“Abuso de poder, irresponsabilidade e negligência”: equipe da Energisa corta energia de casa com quatro criança em plena quarentena

Teste de Espaço de Anúncio

O flagrante foi registrado no centro da cidade de Várzea Grande, na tarde desta segunda-feira 23.03.2020, quando uma equipe da Energisa, concessionado responsável pelo fornecimento de energia em Mato Grosso, não demonstrou ter conhecimentos, bom senso e muito menos compaixão, ao cortar a energia de uma casa com quatro criança da quarentena.

Populares que estavam na região, além de questionar os dois funcionários, ainda alertaram sobre a proibição do corte de energia, neste período de quarentena, que foi declarado via decreto do Governo Federal, Governo do Estado de Mato Grosso e Prefeituras.

“No Decreto 407, que regulamenta medidas protetivas no período de combate ao coronavírus, uma emenda com a aprovação de lideranças partidárias no Poder Legislativo, em que as concessionárias de serviços essenciais como água e luz ficam proibidas de interromper o fornecimento no período que vigora a publicação”, explicou o deputado Faissal Calil (PV).

A filmagem mostra que mesmo sendo avisados sobre a proibição do corte de serviços essenciais, a equipe deu continuidade no corte de fornecimento de energia da casa que tem quatro crianças.

“Servidores da Energisa infringiram uma Lei Estadual”.

Os moradores conseguiram filmar a forma intransigente, demonstrado total abuso de poder, por parte dos funcionários da concessionária de energia.



A Energisa desde quando assumiu o fornecimento de energia, que é a empresa campeã de reclamações no Procon-MT, é fácil encontrar uma pessoa que tem algo para reclamar desta empresa, seja no abuso da cobrança da fatura da energia, no suposto esquema de cobrança por estimativa, como também na precariedade do fornecimento de energia, entre outros.
Sem contas atrasadas

De acordo com a moradora desta casa, que teve a energia corta, a conta tinha vencido no último dia 13.03.2020, ou seja dez (10) de atraso, e mesmo comprovando que tinha poucos dias em atraso, que está em período de quarentena, que a continuidade do fornecimento de energia está aparada por Decreto Estadual, os funcionários efetuaram o corte de energia.



Os responsáveis da Energisa em Cuiabá, Várzea Grande, Mato Grosso foram procurados para falar sobre o assunto, mas como sempre acontece, o consumidor quando quer tratar sobre qualquer assunto, é encaminhando para um número de Call Center, onde os atendentes ficam em outro estado, que não tem nenhum conhecimento da região, causas circunstâncias ou razões.


“Negligente, inoperante, incompetente, irresponsável, são os principais adjetivos apontados pelos consumidores”.


É com esta eficiência no atendimento ao público que a equipe de reportagem se deparou, sem ter nenhuma resposta sobre a volta do fornecimento de energia para a família que teve o corte irregular, porque não conseguiu falar com nenhum responsável até o fechamento da matéria.


A equipe de reportagem vai insistir em diversos números e setores, até conseguir falar com algum responsável, que veja reparar o erro ocorrido na tarde desta segunda-feira, em Várzea Grande.

Veja o vídeo:



O MATO GROSSO

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.