Equipe Do Ministério Da Saúde Virá A Sinop Para Ajudar Na Ação De Combate À Dengue

Teste de Espaço de Anúncio
O Coordenador Geral de Vigilância Arboviroses, do Ministério da Saúde, Rodrigo Said - Foto: Reprodução

Em aproximadamente 10 dias, uma equipe da Secretaria de Vigilância e Saúde do Ministério da Saúde, virá para Sinop para avaliar as estratégias que são desenvolvidas pela secretaria municipal de Saúde, em relação ao surto de dengue que a cidade enfrenta.

O relatório final do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), referente aos casos e notificações de dengue em Sinop no mês de janeiro são alarmantes. Ao todo, foram 2.174 notificações sendo que desse número, 694 foram confirmados que a pessoa está com dengue, 30 são da doença com sinal de alarme e 8 de dengue grave.

Leia também: Notificações de dengue em Sinop ultrapassam os 5 mil % em janeiro

No mês de janeiro de 2019 foram 117 notificações, sendo 41 confirmadas. Após uma análise e uma comparação, o número de notificações em 2020 aumentou 5, 3 mil % em relação ao ano passado, já os de casos confirmados subiu 1,6 mil %.
De acordo com o Coordenador Geral de Vigilância Arboviroses, do Ministério da Saúde, Rodrigo Said, uma equipe de profissionais também virá até Sinop para contribuir com os trabalhos que já são realizados.

“Nós vamos fazer uma avaliação das estratégias que são desenvolvidas pelo município, sugestão de nova atividades, vamos encaminhar também profissionais do Ministério, para apoiar a capacitação de profissionais de saúde do município de Sinop, principalmente relacionado a questão da assistência aos pacientes com suspeita de dengue e também vamos solicitar o apoio para o reforço das ações de mobilização”.

A prefeita Rosana Martinelli está em Brasília, e na manhã desta sexta-feira (7), participou de uma reunião no Secretaria, onde foi explanada a real situação de dengue em Sinop.

Ao todo, 5 pessoas já morreram em Sinop por conta da doença, sendo três em janeiro de 2020 e outras duas em dezembro de 2019. Entre os mortos estão idosos e uma criança.

Reunião na Secretaria de Vigilância e Saúde do Ministério da Saúde – Foto: Reprodução
 93 FM

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.