Suplente de vereador é morto com tiros na cabeça dentro de carro em MT

Teste de Espaço de Anúncio
Nivaldo já foi condenador por ser mandante de um homicídio.
O suplente de vereador Nivaldo Gomes de Souza, conhecido como Nivaldo do Posto, foi morto com tiros na cabeça dentro de um Fiat Strada no Centro de Histórico de Arenápolis (259 km de Cuiabá), na noite dessa quarta-feira (08).

Ele era filho do ex-prefeito de Arenápolis, Cícero Francisco de Souza.

A Polícia Civil informou que Nivaldo conversava com uma pessoa quando um carro branco – marca e modelo não identificados – parou ao lado e um dos ocupantes disparou várias vezes. O suplente não resistiu aos ferimentos e morreu antes do socorro chegar.

Não há informações sobre quem era a pessoa que estava com a vítima no momento do crime.

Nivaldo do Posto tinha passagem pela polícia. Ele já foi, inclusive, condenado por ser mandante de um homicídio no município e chegou a cumprir pena.

Segundo informações, o suplente morou em Cuiabá após receber várias ameaças e sofrer uma tentativa de homicídio, mas decidiu retornar para Arenápolis.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada para analisar o local do crime. Um laudo deve aponta detalhes de como o assassinato aconteceu. Em seguida, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia.

A Polícia Civil investiga o caso.

Política

Nivaldo Gomes atuou como vereador do município durante licença médica da vereadora Yvone Med


Portal Arenápolis

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.