Funcionário de fazenda é preso por roubar 200 cabeças de gado do patrão

Teste de Espaço de Anúncio

O funcionário de uma fazenda de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá), identificado pelas iniciais J.S.C., 40 anos, foi preso pela Polícia Civil na manhã de sábado (04) por furto de gado e posse ilegal de arma de fogo.

A ação realizada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) do município ainda resultou na apreensão de 30 cabeças de gado, uma caminhonete e mais de R$ 113 mil em dinheiro.

De acordo com os investigadores, J.S.C. furtou 200 cabeças de gado da própria fazenda onde trabalhava, na última quinta-feira (02), e escondeu num sítio na região da Gleba do Rio Vermelho.

Em diligências no local, os policiais encontraram o gado que ainda estava com a marca da fazenda de onde foi furtado.

Logo depois, os investigadores descobriram que a propriedade pertencia a um parente do criminoso e que havia sido alugado o pasto para guardar os animais, que alegava ser de sua propriedade.

Na casa de J.S.C., os policiais apreenderam um revólver calibre 38 com 06 munições intactas, o dinheiro que estava guardado em uma gaveta no guarda-roupa e uma caminhonete Ford Ranger.

Questionado, inicialmente alegou que estava economizando dinheiro e que caminhonete de alto valor havia sido comprada com uma quantia que recebeu da venda de um imóvel.

Diante dos fatos, o acusado foi conduzido a DERF, onde interrogado pelo delegado João Paulo Praisner, confessou que o dinheiro localizado em sua residência e caminhonete foram obtidos por meio da venda de gado.




RepórterMT


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.