Fotógrafo é assassinado em chácara no interior; suspeito foi preso e confessou crime

Teste de Espaço de Anúncio

Um fotógrafo de 63 anos, identificado como Delci Weissheimer, foi morto a tiros na manhã desta quarta-feira (18), em uma chácara localizada nas proximidades da Lagoa Azul, na zona rural de Água Boa (729 km de Cuiabá-MT). O principal suspeito do crime é o genro. Ele confessou o crime e foi preso.O acusado, identificado como Ari Pacheco, 51 anos, foi capturado no momento em que tentava fugir. Ele contou que matou o sogro em virtude de um desentendimento.De acordo com as investigações, Delci estava com um colega na propriedade rural quando uma égua se soltou. Os dois saíram em busca do animal e, ao retornarem para arrumar a cela, foram surpreendidos por um homem armado.As vítimas tentaram correr, mas o suspeito desferiu vários tiros contra Delci, que não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.
A Polícia Militar foi comunicada da ocorrência e fez buscas pela região para localizar o criminoso. Ari foi encontrado na MT–326, próximo ao município de Cocalinho (923 km da Capital).Ele foi levado para a delegacia de polícia.O caso será investigado.

CircuitoMT

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.