POLÍCIA CIVIL EM NOVA CANAÃ DO NORTE-MT PRENDE HOMICIDA EM MENOS DE 24 HORAS APÓS A PRÁTICA DO DELITO

Teste de Espaço de Anúncio

Neste sábado (15), por volta das 22h40min, em residência localizada na cidade de Nova Canaã do Norte-MT, JOSÉ GENISSON DA SILVA (27 anos, natural de SERGIPE) desferiu de 03 golpes de faca (duas no abdômen e uma no tórax) contra a vítima FRANCIELE SILVA SOUZA (26 ANOS) por ela ter dito ao suspeito que ele “não dava conta de sua amiga (convivente do suspeito)”, no sentido de que ele não seria homem suficiente.

Verifica-se que o suspeito somente não consumou o seu intento criminoso, pois, testemunhas interviram e o seguraram para que cessasse as agressões contra a vítima.

Apurou-se que o suspeito, a vítima e testemunhas estavam ingerindo bebida alcoólica e o suspeito, após a discussão, atacou covardemente a vítima quando ela estava distraída.

A vítima foi socorrida pela Polícia Militar e se encontra hospitalizada no Hospital Regional da cidade de Colíder-MT.

A POLÍCIA CIVIL, ao tomar conhecimento dos fatos, empreendeu diligências investigativas contínuas e ininterruptas visando localizar e prender o suspeito. Sendo que o suspeito foi localizado na residência do genitor, mas mentiu o nome para os investigadores de polícia, os quais fizeram a detenção do meliante e, posteriormente, confirmaram que realmente se tratava do algoz da vítima FRANCIELE.

Após checagem policial, verificou-se que o suspeito não ostenta outras passagens criminais no Estado de MT. Já em SERGIPE, apenas uma passagem criminal por delito de menor potencial ofensivo ocorrido no ano de 2008, cujo procedimento já foi arquivado ante o cumprimento da transação penal proposta pela Promotoria de Justiça.


Segundo o Delegado de Polícia Dr. Ruy Guilherme Peral da Silva, GENISSO está sendo autuado pela prática de TENTATIVA DE HOMICIDIO QUALIFICADO em concurso material com FALSA IDENTIDADE (Art. 121, §2º,  incisos II , III e IV c.c. Art. 14, inciso II c.c. Art. 307 c.c. Art. 69, todos do C.P.) cuja pena pode chegar a 30 (trinta) anos de reclusão. Tendo, ainda, representado pela conversão do APFD em PRISÃO PREVENTIVA a fim de se resguardar a ordem pública (repercussão dos fatos graves praticados) e assegurar a regular instrução criminal (risco de coação a testemunhas e à vítima).


Por derradeiro, o Delegado Dr. Ruy Guilherme pondera que a prisão em flagrante somente foi possível ante a atuação investigativa rápida e eficaz dos aguerridos investigadores de polícia civil da cidade de Nova Canaã do Norte-MT.

Reportagem news

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.