WhatsApp vai liberar opção para impedir que usuário seja colocado em grupo sem ter autorizado

Teste de Espaço de Anúncio
Nova atualização permite filtrar quem pode te adicionar a grupos. — Foto: Dado Ruvic/Reuters
Nova atualização permite filtrar quem pode te adicionar a grupos. — Foto: Dado Ruvic/Reuters
Um dos recursos mais populares do WhatsApp — e também um dos mais controversos — recebeu um incremento no gerenciamento de privacidade. Até então não era possível impedir que administradores de grupos adicionassem livremente outros usuários aos grupos.

Para evitar ser incomodado com adições indesejadas, o aplicativo agora disponibiliza um filtro em que o usuário pode configurar quem poderá adicioná-lo aos grupos. São três opções:

Todos: Essa opção equivale ao modelo atual, que permite que qualquer administrador de grupo inclua novos membros no grupo sem que eles tenham solicitado o convite;
Meus contatos: Essa opção requer que o administrador esteja na lista de contatos de quem será adicionado ao grupo;
Meus contatos, exceto: Essa opção limita as opções aos contatos e ainda permite a criação de uma lista de pessoas impedidos de adicionar membros sem o consentimento do contato;

Por enquanto, o novo recurso de privacidade em grupos está disponível apenas na versão beta. Para ativar, é preciso seguir os seguintes passos:

1.Acesse as configurações do WhatsApp;
2.Toque na opção "Conta";
3.Clique na opção "Privacidade";
4.Toque na opção "Grupos";
5.Selecione a opção de privacidade em grupos conforme a sua vontade;


Veja o passo a passo de como limitar quem pode te adicionar em grupos. — Foto: Reprodução
Veja o passo a passo de como limitar quem pode te adicionar em grupos. — Foto: Reprodução



Na lista de contatos impedidos, é preciso incluir um a um. Nesse caso, os contatos selecionados não são impedidos de enviar mensagens individuais, essa restrição só impede a adição em grupos.

Os leitores que não participam do programa de testadores, em breve, também receberão uma atualização contendo essa opção.

Por Ronaldo Prass/G1


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.