PF confirma destruição de equipamentos e túneis do garimpo clandestino em Aripuanã

Teste de Espaço de Anúncio
PF queimou equipamentos e barracos em cumprimento a ordem judicial
A Polícia Federal confirma a destruição dos barracos, cavas e túneis existentes no garimpo clandestino em Aripuanã, alvo da Operação Trype.

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Federal em Mato Grosso, foi localizado um túnel com 60 metros de comprimento. A PF destruiu toda a estrutura do garimpo por meio de explosões queima controlada.
Túnel
Divulgação/PF  Um túnel de 60m metros foi localizado e destruído no garimpo clandestino em Aripuanã (MT)


Os equipamentos e ferramentas de mineração também foram destruídos nesta terça-feira (8), segundo a PF.
Hoje o prefeito de Aripuanã, Jonas Canarinho (PR), manifestou apoio aos garimpeiros e foi para Brasília tentar impedir a destruição dos equipamentos e ferramentas dos garimpeiros.

Em Aripuanã, garimpeiros protestaram e o clima segue tenso na cidade.


Garimpeiro morto é identificado

A única ocorrência registrada durante a Operação Trype foi a morte do garimpeiro José Maria dos Santos, de 45 anos de idade, que atirou contra policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) durante a ação de varredura.

Os garimpeiros foram orientados a saírem dos barracos para uma área de triagem. Contudo, em um dos barracos, José Maria disparou tiros contra os policiais do Bope, que revidaram a agressão e acertaram dois tiros no garimpeiro.

No barraco dele foram encontradas duas espingardas cartucheiras, uma de cano longo e outra de cano curto, de calibre não identificado. Além disso, havia invólucros de pólvora, chumbo, pote com espoleta, cartuchos intactos e outros deflagrados, além de dois invólucros de quantidade não especificada de substância semelhante a ouro.

A família de José Maria, oriunda de Rondônia, reconheceu o corpo, que foi liberado na manhã desta terça-feira (08.10).

Caldeirão Politico 


Jô Navarro


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.