Homem briga com a família e desconta em enteados, ao surrar dois meninos de 9 e 10 anos

Teste de Espaço de Anúncio
Rafael Medeiros
Padrasto é preso depois de agredir os enteados de 9 e 10 anos e ainda seu filho, um bebê de 11 meses, usando cabo de vassoura e cinto, enquanto as crianças tomavam banho.



Weverson da Silva Souza, 25 anos, também 'surrou' a mãe dos menores, quando ela tentou defender os filhos. A série de espancamento ocorreu nas primeiras horas de domingo (25), no Osmar Cabral, em Cuiabá.



A Polícia Militar foi acionada por K.M.M.S., 27 anos, mãe das crianças por volta das 9h. A vítima disse que o marido saiu de casa cedo e foi para residência de familiares e que lá teria se envolvido em uma briga familiar. E que chegando em casa teria relatado que quase foi morto a facadas. Muito nervoso, passou a espancar os enteados.



As agressões revoltaram os policiais envolvidos no atendimento, já que as duas vítimas eram bem franzinas e tinham na pele as marcas da violência. Em depoimento a mãe disse que esta não é a primeira vez que o marido agride os filhos dela. 



Weverson foi autuado pelos crimes de lesão corporal, no âmbito da Lei Maria da Penha e seguiu para audiência de custódia, no Fórum da Capital, onde teve a prisão mantida.



O agressor, para tentar minimizar a situação, chegou a revelar aos policiais que tem problemas psicológicos e que estava nervoso porque não está tomando a medicação controlada.
Por: Rafael Medeiros
O BOM DA NOTICIAS

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.