Índios trancam a MT 322, balsa do Rio Xingu está paralisada sem data para retorno

Teste de Espaço de Anúncio
 (Crédito: Agência da Notícia)

São mais de 300 Índios que começaram nesta sexta-feira(31), uma manifestação na MT 322, que liga a região Norte Araguaia ao Norte do Estado. Até o meio dia, mais de 1km de fila já estava formada por caminhões que utilizam a estrada e o rio para o transporte de grãos e gado.

A paralisação acontece na altura da Aldeia Piaraçú, na Reserva Indígena “Capot Jarina”. De acordo com o Papré Metuktire, a paralisação aconteceu devido a extinção da SESAI – Secretaria Especial de Saúde Indígena. “Queremos respeito a educação indígena e também a saúde indígena, e a estrada vai permanecer fechada enquanto não formos atendidos”, garantiu com exclusividade ao Agência da Notícia o Papré Metuktire.

Os índios estão pintados para guerra e seguram cartazes que pedem respeito.
Com a paralisação da MT 322, os prejuízos podem ser incalculáveis, já centenas de caminhões circulam naquela região, além dos carros comuns que também vem e vão para o Norte do Estado, como o Agência da Notícia relatou, essa estrada é uma das principais vias que liga o Nortão do estado à região do Araguaia.
A qualquer momentos mais informações aqui no Agência da Notícia.

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.