SANTA CASA Prefeitura aciona Justiça para tirar diretoria após uma grave denúncia

Teste de Espaço de Anúncio
luiz antonio possas de carvalho
Luiz Antonio Possas de Carvalho, da Procuradoria-Geral, alerta que há denúncia sobre sucateamento da Santa Casa
O procurador-geral de Cuiabá, Luiz Antônio Possas de Carvalho, ingressou com uma medida cautelar com pedido de liminar junto à Vara da Fazenda Pública pleiteando o afastamento da nova diretoria da Santa Cara de Misericórdia.

Fundamenta a medida numa denúncia feita pelo deputado petista Valdir Barranco que, em sessão na Assembleia na última quinta, alertou que estão sumindo com documentos da contabilidade e equipamentos da unidade, que está afundada em dívidas e fechou as portas. As dívidas superam a R$ 80 milhões.

O desejo da prefeitura é que a Justiça não só afaste o presidente Carlos Coutinho, que é do mesmo grupo do antecessor Antonio Preza, como indique alguém para gerir o hospital enquanto o município defina o regime de atuação, se uma intervenção ou não.

 A tendência é do prefeito Emanuel Pinheiro optar por intervir, vindo a destituir a diretoria, ficando a gestão sob um Conselho tripartite, envolvendo a prefeitura, o Estado e a União. E só está procurando encontrar o que chama de melhor forma de fazê-lo,  conforme este blog já revelou - confira aqui.

Luiz Antonio observa que há denúncia sobre sucateamento da Santa Casa. E como o Ministério Público não tomou providências, o município decidiu, então, provocar a Justiça.

Na última sexta, esteve reunido com o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, com quem avançou no alinhamento de pensamento para ação conjunta.

Em princípio, município e Estado buscam formatar uma maneira de ajudar financeiramente a Santa Casa, de modo a possibilitar a sua reabertura, fazendo composição entre funcionários, médicos e prestadores de serviços. E quer envolver também na discussão Poderes e órgãos, com representantes do Tribunal de Justiça, do governo estadual, do Tribunal de Contas e do Ministério Público, além da prefeitura.
Por 

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.