Mulher condenada a 5 anos de prisão por tráfico de drogas em Colíder é presa

Teste de Espaço de Anúncio


Thais Vieira de Carvalho foi presa por investigadores da Polícia Civil, em uma residência no bairro Jardim Vitoria, em Guarantã do Norte (233 quilômetros e Sinop), ontem à tarde. Ela estava com um mandado de prisão expedido desde de março do ano passado pelo juiz da Terceira Vara Criminal de Colíder, Maurício Alexandre Ribeiro.

Ela foi condenada em agosto de 2016, a 5 anos, 7 meses e 15 dias de reclusão em regime inicialmente fechado pelo crime de tráfico de drogas. Na época, a juíza substituta Suelen Barizon também condenou A. B.M. em 5 anos e 10 meses de reclusão e P.H.S;. à pena de 5 anos e 8 meses de prisão. Não foi confirmado se eles estão cumprindo a pena em alguma unidade prisional.

Consta na denúncia apresentada pelo Ministério Público do Estado (MPE), que em dezembro de 2009, os réus Paulo e Thais foram pegos com um tablete pesando aproximadamente 739 gramas de maconha, na MT-320, sentido Colíder, que seriam levados para Anderson.

No mesmo dia, no interior da residência do Paulo e da Thais, em Guarantã do Norte, os policiais descobriam que eles mantinham um depósito com 10 tabletes com peso total aproximado de 7,2 quilos maconha. Já Anderson, segundo o MP, estava associado para a prática do crime de tráfico com Paulo e Thais, que forneciam a droga.

Nota
Em contato com assessoria jurídica de Anderson Barreto Mangolin, o site Nortão online, explica que houve um equívoco consonte a matéria pulverizada da prisão de Thaís e Paulo, Anderson já pagou sua pena, que não deve nada para a justiça.

Fonte: Só Notícias


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.