Servidores não aceitam escalonamentos e indicam greve geral em fevereiro

Teste de Espaço de Anúncio

Servidores não aceitam escalonamentos e indicam greve geral em fevereiroO Fórum Sindical dos Servidores Públicos do Poder Executivo de Mato Grosso orientou a classe a decidir em assembléias que medidas vão tomar em relação ao escalonamento dos salários e indicou que uma greve geral unificada pode acontecer a partir do mês de fevereiro, no caso de o Governo manter a decisão de atrasar os pagamentos.

A orientação foi publicada no Boletim Informativo do Fórum Sindical nesta quarta-feira (9). O documento também indica os servidores aniversariantes dos meses de novembro e de dezembro, a não aceitarem o 13° salário de forma parcelada.

“O Fórum orienta as entidades para que assembleias permanentes funcionem como instrumento de mobilização das categorias e, caso os sindicatos em assembleia decidam pela greve nesse período de 11 a 30 de janeiro, que o façam. Porém, o Fórum indica a construção de Greve Geral Unificada a partir de fevereiro, caso o Governo mantenha sua intransigência frente à calamitosa situação que empurrará servidores públicos a atrasos salariais de até 60 dias(caso dos que receberiam o 13º no mês de janeiro, fizeram antecipação no banco e, receberão apenas o salário de dezembro no final de janeiro, quando estes serão consumidos completamente pelos bancos). A   indicação   do   Fórum   é   não   aceitar   o   parcelamento   do  13º.Dos aniversariantes de novembro e dezembro, assim como das demais verbas salariais”, diz trecho do documento.

Nesta semana, representantes dos servidores se reuniram com o governador Mauro Mendes e sua equipe econômica, que apresentou números da situação financeira caótica do Estado e reforçou que não existe a possibilidade de fazer o pagamento referente ao mês de dezembro sem escalonamento.

Os servidores também se reuniram com alguns deputados estaduais, que garantiram que vão fazer a defesa para que a normalidade de seus direitos, como o salário, RGA e 13° seja honrado o mais rápido possível pelo Governo.



Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.