Guarantã: Criança morre na barriga da mãe e pais acusam médica por negligencia.

Teste de Espaço de Anúncio


Segundo um boletim de ocorrência registrado no dia 8/11, C.A.P. que estava grávida de aproximadamente nove meses, foi até o hospital municipal Nossa Senhora do Rosário na ultima terça feira (06/11) para se consultar, ela foi atendida por uma médica da unidade.
Ainda segundo relatos no boletim de ocorrência, a médica não examinou o estado de saúde da criança ainda dentro do ventre e não escutou sequer os batimentos do coração, apenas solicitou que realizasse um exame de ultrassom e que retornasse ao hospital no dia 7/11 ou dia 8/11 para definir que forma seria um parto.
Aproximadamente às 10h do dia 8/11, foi realizado o exame de imagem, e constatado que a criança já estava sem vida a aproximadamente um dia. Após pegar o resultado, a vitima se dirigiu até o hospital municipal com seu exame, chegando ao local às 11h e sendo atendida somente as 12h50m e somente as 20h deu entrada na sala de cirurgia, onde foi retirada a criança já morta.
Em contato com a prefeitura municipal, será enviado uma nota.
Por/ O Território

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.