Agente de saúde é estuprada durante visita de combate à dengue

Teste de Espaço de Anúncio
A servidora registrou o caso na delegacia e o acusado, que não teve o nome divulgado, foi preso.



Uma agente comunitária foi estuprada na última quinta-feira (22) enquanto trabalhava. A mulher fazia uma vistoria no quintal de uma casa quando foi arrastada pelo próprio morador.

O crime aconteceu na cidade de Campo Mourão, no Paraná. Segundo a prefeitura, a servidora da Secretaria Municipal de Saúde foi agarrada a força pelo morador e levada para um dos quartos da casa. No local, ela foi agredida e violentada.

Depois de conseguir sair da residência, a mulher registrou o caso na delegacia. O autor da violência sexual é um jovem de 19 anos, que foi identificado e preso em flagrante, embora seu nome não tenha sido revelado.


“Ele a ameaçou de morte caso ela contasse para alguém. Nós fomos até a casa do suspeito e ele confirmou que recebeu uma agente em sua casa, mas negou que a tenha estuprado”, disse o delegado responsável a rádio CBN.

“No entanto, nós constatamos que havia marcas de arranhões no corpo dele, decorrentes da luta corporal que o homem travou com a agente de saúde”, concluiu o delegado.

De acordo com a polícia, o rapaz também é suspeito de ter estuprado outra mulher em abril deste ano. A Secretaria de Saúde do município informou que está prestando apoio psicológico e jurídico à servidora.

Ainda segundo a pasta, em geral, as agentes costumam sair em duplas, mas nesse caso elas haviam se separado para vistoriar imóveis diferentes.

RepórterMT



Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.