Jovem morre após parada cardíaca em prova para CNH no Detran

Teste de Espaço de Anúncio

RepórterMT/Reprodução

O jovem Daniel de Oliveira Rodrigues de Souza, 18 anos, morreu na manhã desta quarta-feira (19), após passar mal durante um teste prático para obter a Carteira Nacional de Habilitação, na sede do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), no Centro Político e Administrativo, em Cuiabá.

Segundo a assessoria de imprensa do Detran, Daniel realizava as provas práticas quando sofreu uma parada cardíaca dentro do carro. No primeiro momento, o jovem foi socorrido pelos instrutores, que em seguida ligaram para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Por telefone, o médico do Samu orientou que os funcionários retirassem o jovem do veículo e fizessem massagem cardíaca até a chegada dos socorristas.

O rapaz foi levado com vida ao Pronto Socorro de Cuiabá, porém, não resistiu e morreu minutos depois de chegar à unidade.

Confira a nota do Detran na íntegra:

O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (DETRAN-MT) esclarece que a morte de D.O.R.S., de 18 anos, ocorreu após uma parada cardíaca, enquanto ele realizava teste prático para a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação, nesta quarta-feira (19.09), na sede da autarquia, em Cuiabá.

Durante o teste, o jovem começou a passar mal e foi socorrido por instrutores e técnicos do Detran. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e, ainda por telefone, os profissionais da autarquia foram orientados a retirar D.O.R.S. do veículo e a realizar manobras de ressuscitação.

Duas equipes médicas foram enviadas até o local, enquanto uma médica do Samu, que atendeu a ocorrência ao telefone, orientou que fossem realizadas manobras de ressuscitação até a chegada das equipes.

D.O.R.S. foi atendido pelos médicos do Samu e levado ao Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá ainda com vida, porém, não resistiu e morreu na unidade hospitalar.

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.