Funcionária de Câmara Municipal encontra câmera espiã no chão do banheiro feminino

O caso foi registrado junto à Polícia Civil.

Uma servidora da Câmara de Vereadores de Barão de Melgaço descobriu uma "câmera espiã" no banheiro feminino da Casa de Leis.

O fato aconteceu no último dia 3 de agosto,mas o boletim de ocorrência só foi registrado quatro dias depois.

À Polícia Militar, a mulher de 31 anos contou que após o encerramento de uma sessão dos vereadores foi até o banheiro, quando notou a câmera, de aproximadamente 10 centímetros, no chão, ao lado da privada. Ela estava colada por uma fita e com uma luz azul piscando, indicando que estava gravando.

A mulher pegou o aparelho e mostrou para um vereador e um assessor jurídico da Câmara. Eles tentaram por várias vezes encaixar cabos para ter acesso ao conteúdo da possível gravação, mas os cabos não eram compatíveis com a entrada da câmera.

Vereador e advogados foram acionados para verificar o aparelho eletrônico localizadoNo boletim, a servidora relata foi até a casa dela para encontrar um cabo que encaixasse no aparelho. Nesse período recebeu uma mensagem, pelo celular, do assessor jurídico informando que a câmera havia sumido.

Ele detalhou que deixou o aparelho em cima de sua mesa, na sala da administração, e quando voltou o equipamento já não estava mais lá.

Diante da situação, a mulher contou sobre a câmera espiã para o presidente da Câmara de Barão de Melgaço, Joilson do Baião. Ele, juntamente com servidora, registrou o caso na Polícia Civil.

RepórterMT

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.