Sitiante é autuado por maus tratos à animal

Teste de Espaço de Anúncio
Um chacareiro do município de Carlinda foi autuado ontem, domingo (29) por mau-trato de animal. Neste caso, uma égua foi encontrada debilitada e com ferimento no lombo devido ao trabalho exaustivo que era submetida. A ação foi realizada após o encaminhamento de um vídeo as autoridades, no qual era evidenciado o mau-trato.
Conforme repassado pelo Sargento Luiz Fábio do Corpo de Bombeiros de Alta Floresta, um fiscal do INDEA, acompanhado da Polícia Militar de Carlinda e do Corpo de Bombeiros estiveram na propriedade. “Assim, hoje (domingo) pela manhã, eu, Soldado BM Arenas, fiscal agropecuário do INDEA Luiz Kume, fomos para Carlinda, se juntando a nós o Soldado PM Pereira e um veterinário de Carlinda para fazer um tratamento inicial do equino.
A equipe, ao ir para a chácara do proprietário da égua, o encontramos no caminho com o animal puxando uma carroça, com uma ferida purulenta nas costas onde roçava constantemente a parte da sela que fica sob o lombo, estando muito magra e quase sem forças”, disse. O sitiante foi autuado pelo INDEA. O veterinário de Carlinda fez o primeiro atendimento e aplicou medicamento. Foi colhido sangue da égua para realização de exames.
De acordo com o Sargento Luiz Fábio, o o dono da égua não ficou convencido de que o animal não pode ser utilizado em trabalho no estado clínico em que se encontra, opondo-se às orientações que lhe foram passadas. Ele foi levado para Carlinda pela Polícia Militar para que fosse feito registro de Boletim de Ocorrência em desfavor dele e em seguida encaminhado para a Delegacia de Alta Floresta para que se lavrasse o Termo Circunstanciado de Ocorrência.
“Assim, envidaremos esforços na próxima semana a fim de que a autoridade policial possa acatar nosso pleito requerendo ao Poder Judiciário a apreensão da égua para que possa sair das mãos do sitiante”, disse o Sargento.
 
Fonte: Noticia Exata

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.