Inovações digitais em Guarapuava são modelo para gestores do Paraná

Modernização de sistemas no município será tema de fórum em Francisco Beltrão.

Fala Saúde está disponível, inicialmente, na Play Store, para aparelhos com sistema operacional Android (Foto: Caio Budel/RSN)

Iniciativas inovadoras que estão sendo implantadas em Guarapuava pela administração municipal estão colocando o município no ranking das Cidades Digitais. Esta modernização passa por investimentos para a informatização da gestão dos cemitérios, das frotas, da ouvidoria, procuradoria, além da implantação de um novo sistema eletrônico de gerenciamento de documentos, o que vai acabar de vez com o famoso “arquivo morto”. Outro exemplo é o aplicativo Fala Saúde, que auxilia os usuários no agendamento de consultas e o acesso à agenda do setor de especialidades das Unidades Básicas de Saúde. Estes e outros temas serão abordados em palestra pelo prefeito Cesar Silvestri Filho (PPS), no II Fórum de Cidades Digitais do Sudoeste Paranaense. O encontro ocorre nesta quinta feira (12), em Francisco Beltrão.
“Sem medo da interação e da avaliação dos usuários na área da saúde, o aplicativo nos traz mais transparência e qualidade aos serviços prestados e garante a melhoria contínua do atendimento na saúde”, afirma o prefeito sobre o Fala Saúde, criado para ampliar o diálogo no município.

Além do Fala Saúde, o município desenvolveu o aplicativo de serviços urbanos, onde o munícipe poderá comunicar, através do registro de foto no app, locais onde há buracos na rua, problemas de iluminação pública, entre outras reclamações e sugestões.

As ações de Guarapuava vão desde a inclusão digital, com oficinas gratuitas de smartphones para idosos, aulas de robótica para alunos dos 4º e 5º anos da rede municipal de ensino ao fomento ao empreendedorismo de novas tecnologias, voltados ao design, impressão 3D e robótica, além do Centro de Inovação e Parque Tecnológico.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA

A Prefeitura de Guarapuava também está trabalhando com o novo projeto de iluminação pública para o município por meio de uma Parceria Público Privada (PPP). A meta, segundo o prefeito, é trocar os 24 mil pontos de iluminação por lâmpadas LED, visando maior economia e eficiência no setor.

A expectativa é que com essas novas lâmpadas, que têm durabilidade, em média de 15 anos, vamos conseguir uma redução de 60% na conta de iluminação pública de Guarapuava. O projeto também prevê a instalação de 120 câmeras de segurança que serão instaladas nos locais de maior circulação de pessoas e nos locais apontados pela Polícia Militar como pontos de maior criminalidade.
SEMINÁRIO

Esses projetos levam o prefeito Cesar Silvestri Filho a ser o palestrante durante encontro para gestores públicos da região Sudoeste, que será realizado em Francisco Beltrão, nesta quinta feira (12). É o III Fórum de Cidades Digitais do Sudoeste Paranaense, que será realizado pela Rede Cidade Digital (RCD) em conjunto com a Prefeitura de Francisco Beltrão. O evento reúne prefeitos, gestores, vereadores e empresários para tratar de inovações tecnológicas na gestão pública.

Guarapuava, no Centro Sul do Estado, tem se destacado no cenário das localidades que investem para se tornar uma cidade digital e inteligente. Com cerca de 180 mil habitantes, Guarapuava vem apostando pesado na inovação para se desenvolver.

A Prefeitura de Guarapuava estava parada no tempo, por isso estamos investindo na modernização dos sistemas.
blica de Guarapuava. O projeto também prevê a instalação de 120 câmeras de segurança que serão instaladas nos locais de maior circulação de pessoas e nos locais apontados pela Polícia Militar como pontos de maior criminalidade”, explica Cesar Filho que também é vice-presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) na área temática de concessões e Parcerias Público-Privadas.

FÓRUM

Além de Guarapuava, compartilham modelos em andamento em suas localidades os municípios de Bom Sucesso do Sul, Chopinzinho e Francisco Beltrão. O objetivo, conforme destaca o diretor da RCD, José Marinho, é levar informação sobre a importância da tecnologia no plano de desenvolvimento das cidades por meio da troca de experiências e acesso às soluções de mercado. As inscrições são gratuitas para servidores públicos e podem ser feitas pelo link. O III Fórum de Cidades Digitais do Sudoeste Paranaense tem o patrocínio da ouro da 1DOC, GOVBR e CTMGEO; e bronze da PlayTable.

SERVIÇO

III Fórum de Cidades Digitais do Sudoeste Paranaense

Data: 12 de julho

Início: 8h

Local: Auditório Amsop, Francisco Beltrão


Inscrições gratuitas para servidores públicos. Informações pelo forum@redecidadedigital.com.br ou pelo (41) 3015-6812.
RSN

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.