AF: mãe desabafa e diz; "más companhias levaram o filho ao mundo do crime"

Teste de Espaço de Anúncio
Divulgação PJC / Cova onde foi encontrado o filho
Divulgação PJC / Cova onde foi encontrado o filho
Suelene Galdino da Silva, moradora de Alta Floresta e mãe de Valter Galdino da Silva que atendia pela alcunha de (sacy), procurou a nossa reportagem para fazer um desabafo á respeito da vida pregressa do filho.
Assassinado a cerca de quase um ano, os restos mortais (ossos) de Valter foram encontrados em uma cova no Bairro Vila Nova há aproximadamente sete meses e a três meses foi confirmada a identidade através do resultado de DNA.
Dona Suelene disse que é uma dor muito grande para uma mãe, no entanto, atribui o passado do filho a más companhias, já que ela sempre trabalhou para dar o melhor para os filhos, mas infelizmente o Valter escolheu este triste fim.
Mãe de outros dois filhos, dona Suelene disse que não foi falta de conselhos, entretanto, fez questão de procurar a reportagem da Rádio Progresso AM 640, com o objetivo de desabafar e deixar claro a sociedade que sempre foi uma boa mãe e criou o filho com todo carinho e respeito para que ele se tornasse um homem de bem.
Marcos José / Abraão Lincoln/ Radio Progresso

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.