Polícia recupera carga de bombons roubados avaliados em R$ 500 mil na zona rural de Luziânia

Teste de Espaço de Anúncio
Bombons roubados recuperados pela polícia em Luziânia (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Bombons roubados recuperados pela polícia em Luziânia (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Uma garota de um ano e 11 meses de idade foi atropelada, esta manhã, em Guarantã do Norte, por uma caminhonete dirigida pelo próprio avô, um homem de 83 anos. Ela foi levada ao Hospital Municipal Nossa Senhora do Rosário. No entanto, conforme relato feito pela equipe médica acabou não resistindo e faleceu antes de receber atendimento.

O Comando de Operações de Divisas, em conjunto com a Polícia Militar e a Polícia Civil, recuperaram uma carga de bombons roubados, avaliada em R$ 500 mil. A ação ocorreu neste sábado (2) na zona rural de Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. A equipe prendeu dois suspeitos e outros dois morreram em confronto com a corporação. As identidades não foram confirmadas.

Comandante do COD, o tenente coronel Geovane Rosa da Silva contou que o motorista foi rendido pelos assaltantes e deixado em um local de mata. Também segundo ele, a vítima caminhou por cerca de 4 km até conseguir pedir ajuda e voltar para a cidade, onde prestou depoimento à Polícia Civil.

Geovane informou que uma equipe do Batalhão Rodoviário de Luziânia viu o caminhão sendo escoltado por outros quatro carros, fez sinal para que parassem, mas foram recebidos com tiros e os assaltantes conseguiram fugir. Em seguida, encontraram o caminhão roubado já sem a carga e começaram a procurar pelos autores do crime.
“Depois que verificamos que nenhum policial tinha ficado ferido, seguimos fazendo diligências pela região até acharmos uma chácara onde estavam as caixas de bombons roubadas. O dono da chácara estava no local e disse que o material era do genro, que alugava a segunda casa da propriedade. Ele contou que o parente é dono de um supermercado em Anápolis e que várias outras cargas já haviam sido descarregadas ali”, afirmou.
O homem foi achado na casa em que mora, em Anápolis, a 55 km de Goiânia, onde estavam alguns dos carros usados na ação, segundo o comandante. Também conforme a polícia, o suspeito foi encontrado com um revólver de calibre 38, preso e levado para Luziânia. O sogro dele também ficou detido suspeito de participação no crime.

O G1 não conseguiu localizar o delegado responsável pelo caso para comentar a prisão da dupla.

Mortes em confronto
O comandante acrescentou que, ainda na zona rural de Luziânia, outra equipe de policiais encontrou dois suspeitos tentando se esconder no mato. Geovane afirmou que, mesmo com pedidos de rendição por parte dos policiais, a dupla atirou e, revidando, os policiais os acertaram. Os feridos foram levados pela corporação até uma unidade de saúde da cidade, onde foi constatada a morte deles.

O G1 tenta contato com o Instituto Médico Legal (IML) de Luziânia, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.


G1 Goiás.

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.