Mulher é ameaçada de morte, mata marido com três facadas e se entrega

Teste de Espaço de Anúncio
politec

Um idoso de 63 anos, identificado como Aparecido Rosa, foi assassinado a facadas pela sua esposa, de 58 anos, na noite de sábado (2), na cidade de Querência (910 km de Cuiabá). Logo após o crime, a suspeita Adenizi  Margareti Tavares Rosa se entregou à polícia.

Conforme informações da Polícia Militar, o crime ocorreu na propriedade rural da família, a 52 km do Centro de Querência.



Após o crime, a mulher procurou a Delegacia de polícia, acompanhada do filho, e revelou o crime. Aos agentes, ela disse que Aparecido estava com muitos ciúmes, principalmente do filho deles.



A suspeita contou também que quando estava indo para a fazenda com Aparecido, sofreu ameaças de morte e xingamentos por parte do marido. Quando chegaram à propriedade, o homem teria pego uma faca e ameaçado a mulher, chamando de ‘vagabunda’ e que iria matá-la. Adenizi contou que ele demonstrava nervosismo a todo momento.



Logo depois, o marido deitou na cama de um quarto e dormiu. Nesse momento, Adenizi pegou um facão e deu golpes no pescoço do marido. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.



A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada e confirmou que Aparecido foi atingindo com três facadas no pescoço.



O corpo do homem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para procedimentos fúnebres.



Já Adenizi foi detida e liberada ainda durante a madrugada deste domingo (3). Ela deverá responder pelo crime em liberdade.

Por: LUIS VINICIUS

HiperNoticia

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.