Funcionário de funerária simula assalto para furtar empresa em Sinop

Teste de Espaço de Anúncio
Acusado confessou o crime em vídeo
Foto: Polícia CivilAcusado confessou o crime em vídeo
 Rapaz ligou para polícia pedindo socorro, alegando o roubo
Um funcionário, de 28 anos, de uma funerária, na Avenida das Embaúbas, foi preso na noite de ontem (07), depois de simular um assalto para roubar o malote com R$ 3 mil da empresa.  O crime foi descoberto por policiais da DERF (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos), durante o depoimento controverso do rapaz.

O acusado recebeu voz de prisão enquanto comunicava o falso crime a polícia. Segundo ele,  três homens armados o abordaram na Avenida dos Flamboyants e o obrigaram a entrar no porta-malas do veículo da empresa.  O funcionário contou que foi libertado na Avenida André Maggi, próximo ao bairro Dauri Riva.

O veículo da funerária foi encontrado no bairro São Cristóvão, sem o malote com dinheiro da empresa. 

Em vídeo, o funcionário confessou o crime e argumentou atraso no pagamento do salário.  Ele deve responder por furto qualificado e falsa comunicação de crime.


Fonte: André Jablonski

GC Notícias 

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.