Pai que matou filho com machado é amarrado e quase morto

RepórterMT/Reprodução
Renivaldo foi amarrado até a chegada da polícia no assentamento.
Renivaldo Cardoso de Santana, 55 anos, teve os pés e mãos amarrados ao ser capturado por vizinhos no 4º assentamento no município de Castanheira (779 Km a Noroeste de Cuiabá). Ele matou o próprio filho, de 21 anos, após discussão na noite de quinta-feira (17).

Os moradores, revoltados com o crime bárbaro, acionaram a policia após pegar o pai assassino, no sábado (19). A vítima foi identificada como Dione Melo de Santana de 21 anos.

Conforme o site local Juína News, pai e filho não tinham bom relacionamento.

Ao ser ouvido na delegacia, Renivaldo confessou o crime e afirmou que no dia todos estavam ingerindo bebidas alcoólicas na casa. A discussão teve início após o pai cobrar que o filho ajudasse nas despesas da casa.
Logo após a execução, Renivaldo fugiu e afirmou que se escondeu no mato. No sábado, porém, ele retornou para a casa e foi detido pelos vizinhos e alguns familiares.


Ele foi buscado pela Polícia Militar e encaminhado para a Polícia Civil. Após prestar depoimento e confessar o crime, o pai assassino foi encaminhado para a prisão.



RepórterMT



Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.