Vigilância epidemiológica apura morte de mulher por vírus Influenza em MT

A paciente morreu no Hospital Municipal de Tangará da Serra.

A vigilância epidemiológica de Tangará da Serra (242 km de Cuiabá) está investigando a morte de uma paciente de 36 anos por supostamente ter contraído o vírus Influenza, o vírus da gripe. A paciente estava internada no Hospital Municipal da cidade.

A causa da morte foi registrada como síndrome respiratória aguda, mas a suspeita é de que o quadro tenha sido causado pela Influenza, doença infecciosa aguda de origem viral que acomete o trato respiratório, ocorrendo em epidemias ou pandemias e frequentemente se complicando pela associação com outras infecções bacterianas.

Segundo informações de Juliana Herrero, enfermeira chefe da vigilância do município, a investigação ocorre para descartar qualquer possibilidade de epidemia.

“Quando um paciente tem Influenza, a causa da morte na maioria das vezes é a síndrome respiratória aguda. Por isso estamos investigando, para descartar ou confirmar essa hipótese”, disse Juliana.

Os exames laboratoriais e outros documentos foram encaminhadas para a Central em Cuiabá e o laudo deve ficar pronto em até 20 dias.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) afirmou por meio de assessoria que só será acionada caso o laudo seja positivo. Caso contrário, as investigações ficam por conta do município.

A paciente, que não teve a identidade revelada, foi internada no sábado (7) e morreu no domingo (8).

REPÓRTER MT 

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.