Ameaçado, fazendeiro é assassinado a tiros em assalto

Até a tarde desta quinta-feira (12) nenhum envolvido com os crimes havia sido identificado.
O fazendeiro José Geraldo de Souza, de 47 anos, conhecido como "Preto", foi assassinado a tiros e o pai dele, José Luiz de Souza, de 81 anos, foi gravemente ferido durante um assalto na Fazenda Novo Horizonte, na madrugada de quarta-feira (12), em Castanheira (a 780 quilômetros ao Norte de Cuiabá).
Conforme informações, o irmão do fazendeiro foi quem encontrou as vítimas, por volta das 5 horas, quando chegou à propriedade para tirar leite.
Aos policiais, a testemunha contou que ao chegar à fazenda encontrou seu irmão, José Geraldo, caído na sala da casa e seu pai, que foi agredido, gravemente ferido.
Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e encaminhou José Luiz de Souza a uma unidade de saúde. Porém, até a publicação desta reportagem não havia sido divulgado o estado de saúde da vítima.
Do local, os criminosos teriam roubado um cheque de R$ 200, R$ 8 mil em dinheiro e armas de fogo.
Apesar o crime estar sendo tratado como latrocínio (roubo seguido de morte), a polícia apura se o fazendeiro teria sido alvo de invasores de terra. No ano passado, José Geraldo e um filho dele denunciaram na mídia local que estavam sendo ameaçados após conseguir na Justiça a reintegração de posse.
Porém, até o início da tarde desta quinta-feira (12) nenhum suspeito dos crimes havia sido identificado.
Os crimes serão investigados pela Polícia Civil.
reporter MT

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.