Já ouviu falar em Mat Pilates?

Teste de Espaço de Anúncio

*Por Cristiano Caetano Silva

Sabe aqueles dias em que você está estressado, com dores no pescoço ou nas costas, mas que mesmo assim precisa se exercitar? Pois é, nestas horas bate um misto de preguiça e medo daquela dorzinha muscular e muita gente acaba ficando em casa, deixando a academia pra depois; o que não deveria acontecer. Nestas horas, uma boa saída é buscar atividades que além de ajudarem a manter a forma também causam relaxamento e tonificação muscular. Já ouviu falar em Mat Pilates?

Estou falando de uma adaptação do Pilates praticado em aparelhos. Só que neste caso, feito no chão e usando apenas o peso do próprio corpo, a força da gravidade e alguns instrumentos como elásticos, bolas e cordas. No Mat Pilates os exercícios visam alongamento, tonificação muscular, força e flexibilidade. Tudo isso alinhado a diferentes técnicas de respiração que trabalham o sistema cardiorrespiratório do atleta levando-o ao melhor condicionamento físico possível.

A atividade ganhou força nas academias brasileiras por ser uma excelente modalidade para ganho de força e definição muscular. Seus exercícios trabalham toda a região do core proporcionando ao praticante estabilidade da coluna vertebral (lombar e cervical), fortalecimento dos membros superiores e inferiores e, principalmente, do abdômen. Além disso, ao fim das aulas, os praticantes ainda podem se beneficiar do relaxamento através da meditação que proporciona equilíbrio físico e mental.

O Mat Pilates ainda auxilia no alívio de dores musculares e articulares, correção postural, melhoria da qualidade do sono, diminuição do estresse, fortalecimento dos sistemas respiratório e neurológico, aumento da concentração, coordenação motora e equilíbrio. E mais: auxilia na eliminação de toxinas diminuindo a retenção de líquidos.

Sabe o que é melhor? Esta modalidade pode ser realizada por pessoas de todas as idades, inclusive por gestantes, pacientes com artrite, artrose, bico de papagaio, bursite, desvio de coluna, distensão muscular, fibromialgia, hérnia de disco, hipertensão arterial, osteoartrose, osteoporose e tendinite. Claro que com liberação médica e orientação de um profissional habilitado.

Portanto, não tem mais desculpas pra ficar parado à disposição da obesidade e doenças correlacionadas. Mexa-se, faça Mat Pilates!

*Cristiano Caetano Silva é educador físico (CREF : 003426-G/MT) e ensina Mat Pilates na academia Mergulho Fitness, em Cuiabá.




Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.