Bebê recém-nascido morre após ficar em incubadora improvisada com balde

Teste de Espaço de Anúncio
Equipe chegou a solicitar UTI aérea para realizar a transferência da criança, que não resistiu até a chegada da aeronave.
Um bebê recém-nascido morreu em um hospital localizado no município de Lábrea, a 851 km de Manaus. O menino, segundo familiares, teria ficado mais de 24 horas em uma incubadora improvisada com um balde. A Secretaria de Saúde do Amazonas (Susam) disse que a criança nasceu com problemas cardíacos.
O relato foi enviado por familiares por meio do aplicativo 'Tô na Rede'. A mãe deu entrada no hospital na madrugada de quinta-feira (8), já com a bolsa rompida. A cirurgia cesariana só foi feita na sexta-feira (9).
Segundo a família, o bebê nasceu roxo e com dificuldades de respiração. Como o hospital não tinha equipamentos de suporte, tiveram que improvisar com o balde. O menino morreu no sábado (10).
Pais denunciam hospital após criança morrer em incubadora improvisada, no AM
A Secretaria de Estado de Saúde informou, por meio de nota, que foi solicitado o serviço de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) aérea para a remoção. No entanto, a criança não resistiu até a chegada da aeronave.
Segundo a Susam, o hospital do município dispõe de enfermeiros e médicos que prestaram atendimento à mãe e ao bebê.
A direção do Hospital Regional de Juruá informou que deve abrir uma sindicância para apurar as responsabilidades no caso. A Susam informou ainda que está em processo de aquisição de uma incubadora para a unidade, que foi entregue à atual gestão da Susam sem o equipamento.

G1

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.