“Ouvi só o barulho”, diz motorista envolvido em acidente que matou família em Sinop

Teste de Espaço de Anúncio


Reprodução Facebook Vítimas do acidente
A motocicleta ficou retorcida e a parte frontal da camionete destruída
O motorista, de 31 anos, que bateu a camionete Ford F-350 contra a moto Suzuki Yes, que transportava um casal com um bebê, afirmou para a Polícia Civil que a motocicleta estava sem farol e ouviu somente o estrondo do impacto.  Maria Clara, de apenas 7 meses,  José Guia, de 49 anos, e Raquel Alves, de 37 anos, trafegavam na MT-220, rodovia entre Sinop e Juara, a 3 km da BR-163, quando morreram instantaneamente.

O motorista prestou depoimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), logo após ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros em estado de choque. Segundo ele, após ultrapassar uma carreta, acabou colidindo contra as vítimas.

O motorista, morador de Sinop, foi indiciado por homicídio culposo, quando não a intenção de matar, podendo ficar preso de dois a quatro anos, além da suspensão da habilitação.

Fonte: André Jablonski
GC Notícias 

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.