Médico famoso por tratar celebridades tem registro cassado em MT

Teste de Espaço de Anúncio

Foto: Reprodução Facebook

O médico geriatra Eduardo Gomes de Azevedo, teve seu registro cassado pelo Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso (CRM-MT). O profissional é famoso por atender celebridades do esporte, como o ex-jogador de futebol Pelé e o ex-técnico da seleção brasileira de vôlei, Bernardinho.

A cassação foi assinada, no dia 9 de fevereiro, pela presidente do CRM-MT, Maria de Fátima de Carvalho Ferreira.

De acordo com a publicação, Eduardo Gomes de Azevedo teria violado pelo menos 7 artigos do Código de Ética Médica (Resolução CFM nº 1.246/1988), como praticar concorrência desleal com outro médico, utilizar imagens de pacientes em propagandas, disseminar informações médicas inverídicas, divulgar fora do meio científico tratamentos não autorizados pelos órgãos competentes, além de outras transgressões.

O médico já teve o registro cassado, ou cancelado, em vários Estados brasileiros, como Rio Grande do Norte, São Paulo, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, e Santa Catarina.

Azevedo é conhecido por ter trazido ao Brasil a “procainoterapia”, um tratamento a base de Procaína Benzóica Estabilizada, que promete combater o envelhecimento.


Entre as celebridades pacientes do geriatra, além de Pelé e Bernardinho, estão a apresentadora Angélica, a esposa do prefeito de São Paulo, Bia Dória, o ex-piloto de Fórmula 1, Emerson Fittipaldi, e entre outros.


Bernardinho e Pelé inclusive  tiveram participação especial em um livro do médico, denominado de "Tudo Novo em Seu Corpo: atividade física". Pelé escreveu a apresentação do trabalho e Bernardinho o prefácio.



Fonte: Gabriel Fagundes/Primeira Hora 

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.