Prefeito e presidente da Câmara de Barra do Bugres são investigados pelo MPE

Prefeito e presidente da Câmara de Barra do Bugres são investigados pelo MPE
O promotor de justiça relata que, a história de apadrinhamentos e trocas de favores sujam a história da política no país

 O Ministério Público Estadual (MPE) abriu um inquérito para investigar denúncias de nepotismo na Prefeitura e na Câmara de Barra do Bugres (175,3 km de Cuiabá). O inquérito foi aberto no dia seis de setembro, pelo promotor Anderson Yoshinari Ferreira da Cruz, da Primeira Promotoria de Justiça Cível.
O promotor de justiça relata que, a história de apadrinhamentos e trocas de favores sujam a história da política no país. “Considerando o conhecido histórico de corrupção e favoritismos que marcam nosso sistema político, em especial as práticas clientelísticas que representam o quotidiano do Poder Público em âmbito nacional, caracterizada por apadrinhamentos e trocas de favores, sendo essa a grande sujeira do povo brasileiro” disse.
Consta no inquérito, que os familiares do prefeito Raimundo Nonato de Abreu Sobrinho (PSB)  e integrantes da Câmara de Vereadores de Barra do Bugres são os investigados.  “As informações prestadas pelo Prefeito Municipal e pelo Presidente da Câmara de Vereadores Jonas Manoel de Souza(PR) não sanaram as dúvidas relacionadas à ocorrência ou não de nepotismo no âmbito da Administração Pública local”, relata o promotor.

Foto: Assecom Barra do Bugres


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.