Polícia Civil prende prefeito de Jangada e secretário por uso de maquinários

Teste de Espaço de Anúncio
Polícia Civil prendeu o prefeito Ederzio de Jesus Mendes, que teria cedido maquinário da prefeitura e servidores públicos para operarem em obra particular.

Uma pá-carregadeira e a patrola da Prefeitura de Jangada estavam sendo utilizadas em curtume privado há 30 dias.
Uma denúncia da Promotoria de Justiça de Rosário Oeste ( 128 km ao Norte) apurada pela Polícia Judiciária Civil levou a prisão, nesta quarta-feira (30), do prefeito de Jangada (80 km de Cuiabá) Ederzio de Jesus Mendes (PSDB) e do secretário de obras, Marcos Antonio Bernadino, por uso indevido de maquinário público em obra particular.

A denúncia informava que o arrendamento do curtume Jangada, localizado em Acorizal (62 km ao Norte), estaria há mais de 30 dias utilizando irregularmente uma pá-carregadeira e a patrola da Prefeitura de Jangada, prejudicando obras em benefícios dos moradores do município, que havia pedido que o maquinário fosse empregado em uma comunidade rural e não foram atendidos, sem maiores explicações.

Em averiguações, a Polícia Civil confirmou que as máquinas estavam sendo desviadas para o uso particular. O maquinário da Prefeitura de Jangada foi encontrado na área do curtume, localizado em Acorizal. No local, dois funcionários da Prefeitura de Jangada, Otoniel Firmo da Cunha, 29, e Deomar Rocha Azambuja, 47, trabalhavam no beneficiamento da área.

Durante a abordagem, um dos funcionários informou que trabalhava na área a mando do prefeito de Jangada. Outra máquina que era usada no local também foi confirmada pertencer a Prefeitura de Jangada.

Diante do flagrante, a equipe policial liderada pelo delegado Walter de Melo Fosenca Junior foi até a Prefeitura de Jangada, local em que deram voz de prisão ao secretário de Obras do município, Marcos Antonio Bernadino e ao prefeito Ederzio de Jesus Mendes.

Os funcionários Otoniel e Deomar foram autuados em Acorizal e o flagrante do prefeito e do secretário lavrado neste momento na Delegacia da Polícia Civil de Jangada.

Os maquinários estão apreendidos e trancados no arrendamento do curtume Jangada e passarão por perícia. As máquinas devem retornar ao município de Jangada, para emprego em obras públicas.
Reporter MT


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.