Corpo de taxista morto a facadas e degolado é encontrado no lixão do Barreiro Branco, em Cuiabá

 Em foto enviada à família, Douglas aparece com as mãos amarradas
(Foto: Reprodução) Em foto enviada à família,
 Douglas aparece com as mãos amarradas
A suspeita é de que uma rixa entre facções criminosas tenha motivado o crime.
Quatro criminosos torturaram e mataram o taxista Douglas da Silva Dantas, de 34 anos, nessa terça-feira (8), de acordo com a Polícia Civil. O corpo dele foi encontrado nesta quarta-feira (9) depois que a família recebeu imagens do crime e registrou um boletim de ocorrência.

Até a publicação desta reportagem nenhum dos suspeitos haviam sido presos.

De acordo com a Polícia Civil, o corpo do taxista foi encontrado em uma região de mata, próximo ao aterro sanitário de Cuiabá, a 479 km de Sinop. Ele estava caído próximo ao carro dele.

Douglas tinha um corte profundo no peito em direção ao coração e no pescoço. No vídeo enviado à família, o taxista aparece amordaçado e com as mãos amarradas.

Os criminosos apontam a faca para ele e começam a gravação. Em seguida, começam a cortar o pescoço de Douglas. A suspeita é de que uma rixa entre facções criminosas tenha motivado o crime.

Segundo a polícia, a mãe da vítima registrou um boletim de ocorrência nesta quarta-feira para denunciar o desaparecimento do filho. Ela contou que a família recebeu fotos e vídeos de Douglas vivo e, pouco tempo depois, morto. O caso segue sob investigação.

Foto? Reprodução



Fonte: G1 MT

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.