Suspeito atraía crianças oferecendo entre R$ 5 e R$ 20, diz polícia

Teste de Espaço de Anúncio
Kauan teria sido atraído ao estuprador por oferta de dinheiro, apontou investigação (Foto: Arquivo particular da família
O homem de 38 anos que está preso na carceragem da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente) oferecia de R$ 5 a R$ 20 para que crianças e adolescentes freqüentassem sua casa, a mesma que fora incendiada no último domingo (23), no bairro Coophavila II (zona sul de Campo Grande).
A informação foi confirmada na manhã desta segunda-feira (24) pelo delegado titular da unidade, Paulo Sérgio de Souza Lauretto, apontando que de acordo com o relato do menino de 14 anos que é a principal testemunha do crime, Kauan Andrade Soares dos Santos, 9, cujo corpo está desaparecido há 26 dias, teria sido atraído para o estupro pelo dinheiro oferecido.

“Segundo o relato desse menino, era oferecida essas recompensas a quem ia para sua casa”, disse o delegado. O adolescente também é suspeito de omissão de cadáver e homicídio.
Delegado Lauretto concede entrevista sobre o caso Kauan nesta manhã, na sede da Depca (Foto: André Bittar)
A informação foi confirmada na manhã desta segunda-feira (24) pelo delegado titular da unidade, Paulo Sérgio de Souza Lauretto, apontando que de acordo com o relato do menino de 14 anos que é a principal testemunha do crime, Kauan Andrade Soares dos Santos, 9, cujo corpo está desaparecido há 26 dias, teria sido atraído para o estupro pelo dinheiro oferecido.


“Segundo o relato desse menino, era oferecida essas recompensas a quem ia para sua casa”, disse o delegado. O adolescente também é suspeito de omissão de cadáver e homicídio.

Fonte: campograndenews
Por: Rafael Ribeiro

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.