Líder de igreja presbiteriana é preso acusado de estuprar menina durante 5 anos

Teste de Espaço de Anúncio
O presbítero começou a ser investigado pelos policiais, em junho, após denúncias registradas por familiares da vítima. Os parentes desconfiaram do que estava acontecendo e questionaram a menina, que revelou os abusos
Policiais da 34ª DP (Bangu) prenderam o líder de uma igreja presbiteriana por abusar sexualmente, durante cinco anos, de uma menina de 13 anos que frequentava a mesma congregação, em Senador Camará, na Zona Oeste do Rio.

O presbítero começou a ser investigado pelos policiais, em junho, após denúncias registradas por familiares da vítima. Os parentes desconfiaram do que estava acontecendo e questionaram a menina, que revelou os abusos.

Segundo informações da 34° DP, os abusos aconteciam na igreja e na casa de Barbosa, que fica ao lado do templo. A família deixava a menina na residência do presbítero para ficar ao cuidados da mulher dele. Quando a mulher deixava a casa, ele praticava os abusos.

Barbosa, que mantinha um comércio na sua casa, oferecia balas e doces, além de uma pequena quantia de dinheiro para a menina.


Depois que o caso começou a ser apurado, Barbosa fugiu do local onde mora, mas voltou depois de um mês e teve a prisão temporária decretada. Os policiais foram avisados da volta de José e realizaram a prisão nesta sexta-feira.
EXTRA

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.