Jovem que se disse formado por série é preso ao se passar por médico

Teste de Espaço de Anúncio
Jovem foi preso em flagrante se passando por médico
Ele foi preso em flagrante tentando se passar por médico em um hospital de Balneário Camboriú, Santa Catarina.
Um jovem de 19 anos foi preso em flagrante tentando se passar por médico em um hospital de Balneário Camboriú, Santa Catarina. Na noite desta terça-feira, agentes do 12º Batalhão da Polícia Militar encontraram com Josias de Farias Júnior prontuários e carimbos médicos roubados, além de um jaleco e um estetoscópio que, segundo testemunhas, ele tirou de um médico do hospital.

Em um vídeo publicado no Youtube em abril de 2016, Josias de Farias Júnior disse, em tom de brincadeira, que se formou em Medicina assistindo a todas as temporadas de "Grey's Anatomy", sua série de televisão favorita, sobre o cotidiano de médicos.

Seguranças do hospital Unimed Litoral, em Camboriú, teriam desconfiado das credenciais de posse do jovem e o detiveram enquanto acionavam a polícia. Não está claro se Júnior tentou se apresentar como médico na noite de terça e foi preso ou se ele já estava praticando a medicina ilegalmente há mais tempo. O EXTRA procurou a Unimed por meio de sua assessoria de imprensa, mas a empresa ainda não se pronunciou oficialmente.

Em um vídeo publicado no YouTube em abril do ano passado, Josias conta 50 fatos sobre ele. O quarto item da lista é sobre "Grey's Anatomy", a famosa série sobre o cotidiano de médicos que está em sua 13ª temporada. Ao tentar explicar o quanto gosta da produção televisiva de Shonda Rhimes, o jovem afirma "ser formado em Medicina em 12 temporadas".


"Minhas séries favoritas são 'Grey's Anatomy' e 'Bones', mas eu tenho uma paixão bem maior por 'Grey's Anatomy'. Eu sou formado em Medicina em 12 temporadas de 'Grey's Anatomy'", afirma Josias no vídeo.

Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.