Jovem é agredida pelo companheiro por causa de música sertaneja

Teste de Espaço de Anúncio
Mulher sofreu agressão porque companheiro se sentiu ofendido por música
O homem se sentiu ofendido pela música cantada pela jovem e a agrediu com um pedaço de madeira, chutes e socos.
Um jovem de 23 anos foi acusado de agressão à companheira, de 18 anos, após chegar em casa e ouvi-la cantar a música "Ai que saudade do meu ex", da cantora sertaneja Marília Mendonça.

Segundo a Polícia Civil, o homem se sentiu ofendido pela música cantada pela jovem e a agrediu com um pedaço de madeira. De acordo com o depoimento da jovem à Polícia Civil, uma amiga revelou a ela que havia visto o rapaz com uma outra mulher na garupa de sua moto. A vítima, então, foi até a casa da moça para saber o motivo da carona. Depois, retornou para casa e colocou a música para tocar.

Segundo ela, o rapaz, então, teria chegado em casa de madrugada e, ao ouvi-la cantar o refrão "Ai que saudade do meu ex. Ele que era homem de verdade", entrou na residência e começou a discutir com a jovem. O casal morava junto há dois anos.

Ainda segundo a vítima, em um determinado momento da discussão, ele perguntou se não seria "homem de verdade", como diz a música e pegou um pedaço de madeira, atingindo a jovem nas costas. Ele ainda desferiu socos e chutes contra ela. O caso aconteceu em Jerônimo Monteiro, na região Sul do Espírito Santo.


A jovem foi levada para uma unidade hospitalar na região e foi liberada com escoriações, mas não teve feridas graves. Ele foi enquadrado na Lei Maria da Penha e responde liberdade pelo crime.


Nenhum comentário:

Todos os recados postados neste mural são de inteira responsabilidade do autor, os recados que não estiverem de acordo com as normas de éticas serão vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros.

Tecnologia do Blogger.