Notícias Gerais
Sefaz divulga nova relação do preço mínimo da pecuária de corte em MT
Foto: Gabriela Von Eye/centroestenews 
Após solicitação da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-MT) revisou a lista de preços mínimos da pecuária de corte do estado. No entanto, os valores não estão condizentes com os preços de mercado e nem de acordo com o que foi solicitado pela Federação em ofício enviando para a secretaria em fevereiro deste ano.
A Famato observou, desde o mês passado, o descompasso entre o preço de venda do produto no mercado físico e o preço de pauta estabelecido pelo Estado. Segundo a nova portaria (nº 049/2017), publicada dia 17/03, os preços são baseados em categorias que não traduzem a realidade dos valores de mercado.
Por exemplo, no mercado o preço do bezerro desmamado de oito meses custa em média R$ 994,59, conforme dados do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). E o bezerro de 12 meses custa em média R$ 1.119,46. Para essas duas categorias de animais, a Sefaz-MT estima o valor médio de R$ 1.352,45, ou seja, bem acima do valor de mercado.
Outro exemplo que merece destaque é o preço da arroba do boi para abate que, segundo a nova portaria, estão previstos os valores de R$ 142,58 para o boi gordo e R$ 137,50 para a vaca gorda, enquanto que o estudo do Imea aponta os valores de R$ 126,59 e R$ 121,15 respectivamente.
“O preço mínimo precisa traduzir ao fisco o preço de mercado operado pela comercialização do produto, por isso pedimos a revisão dos valores estabelecidos pelas portarias. Esses novos números sugeridos pela Sefaz-MT não condizem com a nossa realidade. O governo deveria utilizar os dados do Imea, que é um instituto renomado e respeitado. Os dados do Imea são fidedignos ao que acontece no mercado físico e são muito usados pelos produtores rurais de Mato Grosso”, avalia o vice-presidente da Famato, Francisco Pugliesi de Castro.
Criança de 11 anos foi a primeira vítima da doença no Pará em 2017. Ministério da Saúde deve enviar 100 mil doses da vacina para o estado.
A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) informou nesya quarta-feira (22) que irá ampliar a vacinação contra a febre amarela. O anúncio foi feito pelo governo do estado após a confirmação da morte de um menino de 11 anos por febre amarela, em Alenquer, no oeste do Pará (veja vídeo acima).

A Sespa informou que o Pará dispõe de 309.070 doses de vacina contra a doença e que, amanhã (23), o Ministério da Saúde deve enviar remessa de 100 mil doses para atender os municípios na região de influência dos casos. A secretaria também comunicou que deve intensificar o combate ao mosquito Aedes aegypti, capaz de contaminar o homem com o vírus que causa a doença, com a borrifação no entorno de casas. Outra medida inclui a capacitação de equipes de saúde para o manejo clínico e a abordagem de pacientes.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (22), o secretário Vitor Mateus anunciou o pacote de medidas emergenciais para atender a zona rural incluída no raio de até 30 quilômetros do local onde morreu um macaco com a febre amarela. "A população pode ficar tranquila que há vacina para todos. Lembrando que a prioridade é para quem mora na zona rural, já que a febre amarela é uma doença de áreas de floresta", afirmou. As ações no interior do estado têm apoio das prefeituras.

Vacinação em Belém
De acordo com o secretário, a vacinação na região metropolitana de Belém segue normalmente, já que a imunização contra febre amarela faz parte do calendário regular nos postos de saúde. "A confirmação da primeira morte causada pela doença no Estado não é motivo de alarde", frisou o secretário de Saúde, que deve ir a Alenquer no sábado (25) para acompanhar o andamento do trabalho. A Sespa informa que está de plantão para acompanhar notificações e registros dos casos.

Registros
Uma outra morte, de uma criança de 10 anos, na madrugada desta quarta (22), foi considerada caso suspeito, assim como um rapaz de 23 anos internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Regional de Santarém. Até a próxima sexta-feira (24), saem os resultados para confirmar ou descartar a doença nesses dois pacientes.

Segundo o Sistema Nacional de Notificação de Agravos (Sinan), fonte oficial no país sobre doenças endêmicas, seis macacos com febre amarela morreram no Estado este ano. Os casos ocorreram em Belém, Marituba, Alenquer e três deles em Rurópolis.

O coordenador do Grupo de Trabalho de Zoonoses da Sespa, veterinário Fernandes Esteves, apontou que foram registrados onze casos de 2007 a 2016, com cinco mortes, nas cidades de Parauapebas, Novo Repartimento, Tailândia, Alenquer e Breves. Segundo ele, em 2017, são onze casos suspeitos, com dez descartados e um confirmado.


Fonte: G1 PA
Otmar de Oliveira/Arquivo A Gazeta
Dono de uma clínica de recuperação de dependentes químicos é preso em Cuiabá acusado por um paciente de espancamento. Vítima de 30 anos fugiu da clínica e buscou atendimento médico na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), da Morada do Ouro, na tarde de quarta-feira (22). O proprietário da clínica e um funcionário foram detidos e autuados na Central de Flagrantes por crime de lesão corporal.
T.R.L, 30, morador do Pedregal, foi encontrado pela Polícia Militar na UPA, relatou que permaneceu internado na clínica de recuperação por 3 meses e que sofreu agressões físicas, sendo pego pelo pescoço e socado pelo funcionário R.A, 29, além de ser medicado com sedativos pelo dono da clínica, M.C, 40.

Segundo os acusados, o paciente estava descontrolado, quebrou vários objetos do estabelecimento, e foi preciso usar de força física para contê-lo. Ele também foi medicado com os antidepressivos, que tem efeito calmante, Amytril e Fernobarbital (Gardenal). Entretanto, o dono da clínica não apresentou credencial para exercer a atividade.


Os 2 foram ouvidos na Central de Flagrantes e autuados pelo delegado plantonista por lesão corporal, artigo 129 do Código Penal. Eles passarão por audiência de custódia no Fórum de Cuiabá.

Izabel Barrizon, repórter do GD
A unidade da Casa Aurora em Sinop, a 500 km ao Norte de Cuiabá
Empresa conta com seis unidades em Mato Grosso, sendo duas em Sinop
A rede de supermercados Casa Aurora, que possui seis unidades no interior de Mato Grosso, teve o pedido de recuperação judicial aceito pela juíza Giovana Pasqual de Mello, da 1ª Vara Cível da Comarca de Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá).

A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado que circula nesta quinta-feira (23).

De acordo com os autos, a empresa possui uma dívida de R$ 55,4 milhões. A rede conta com duas lojas em Sinop, uma em Matupá, uma em Terra Nova do Norte, uma em Guarantã do Norte e uma em Sorriso.

O supermercado não deu detalhes a respeito dos motivos que levaram a rede a fazer o pedido de recuperação.

Afirmou somente que quer  “resguardar a continuidade de suas atividades e superar momentâneas dificuldades financeiras”.

Com a recuperação judicial, todas as ações de execução de cobranças contra o supermercado ficarão suspensas por 180 dias, assim como fica proibida a inclusão da empresa nos órgãos de restrição ao crédito.

"Preservação da empresa"

Na decisão, a juíza afirmou que resolveu aceitar o pedido para viabilizar "a superação da situação de crise econômico-financeira da Casa Aurora , permitir a manutenção da fonte produtora, do emprego dos trabalhadores e dos interesses dos credores, promovendo, assim, a preservação da empresa, sua função social e o
estímulo à atividade econômica".

O administrador judicial do caso será o advogado Clayton da Costa Motta. Ele vai receber R$ 860 mil pelo serviço, que corresponde aproximadamente a 1,55% do valor total da dívida da empresa.

O advogado terá o papel de informar a situação da empresa e apresentar relatório mensal das atividades da rede.

“Os relatórios mensais de atividades da recuperanda, apresentado pelo administrador judicial, devem trazer a devida interpretação dos dados contábeis registrados nos documentos por ele juntados, devendo mencionar que atividades a empresa vem desenvolvendo nesse período, com a devida correlação entre as informações contábeis e a realidade apurada em suas diligências junto à empresa, bem como mencionar quaisquer outras informações que entenda relevantes”, disse a juíza na decisão.

O supermercado, por sua vez, conforme a determinação do juíza, terá um prazo de 60 dias para apresentar o plano de recuperação.

A Casa Aurora também deverá apresentar a  lista completa de credores, incluindo todos os créditos devidos, até mesmo aqueles não sujeitos aos efeitos da recuperação judicial.


Após a divulgação, os credores terão prazo de 15 dias para apresentarem os documentos referentes às dívidas, ou divergências sobre os créditos, ao administrador judicial.
Midia News THAIZA ASSUNÇÃO 
Foto: Divulgação

O piloto de um avião que caiu em Ontário, no Canadá, desapareceu sem deixar rastros depois de alugar a aeronave e desembarcar no aeroporto de Michigan na última quarta-feira. Os destroços foram encontrados em seguida a 285 milhas em uma floresta perto de Manitouwadge.

Acredita que ele era de origem chinesa e graduado pela Universidade de Michigan, sua identidade, no entanto, não foi revelada. Autoridades disseram que ele era experiente e a suspeita é de que ele tenha colocado o avião no piloto automático.

Segundo o Journal Chronicle, investigadores estão intrigados porque não foram capazes de localizar o corpo e nem ao menos pegadas na neve. '"Quando ele saiu e como ele saiu ainda é um mistério. A única maneira de entrar ou sair é por meio das duas portas principais', disse um dos responsável pelo caso, Peter Rowntre.

Um outro fator que também chama a atenção das autoridades é que, apesar de ter batido em uma árvore e ter ficado com uma asa quebrada, o avião foi encontrado praticamente intacto. O modelo, um Cessna 172, não foi projetado para abrigar paraquedas.

Em seus 20 anos de investigador, Rowntre disse que nunca viu nada parecido. "Normalmente quando você para um local de acidente, há alguém lá", afirmou.


A polícia, no entanto, recusou a comentar se foi suicídio.


Fonte: RedeTV!

Bebê chamado de “alien” pela mãe é tratado como reencarnação de “deus”
Reprodução/YouTube(Breaking News)
 Mas o instinto falou mais alto, e Khalida Begum, de 35 anos, começou a dar leite ao seu quarto filho, que nasceu com graves deformidades, em Kadamgachi (Índia).

Khalida ficou "chocada" com a aparência do bebê, diagnosticado com um raro problema genético conhecido como ictiose arlequim.

"Quando o vi pela primeira vez, fiquei chocada por dar à luz um menino com aparência alienígena", contou ela, segundo o "Sun".

Mas quando os vizinhos passaram a reverenciar o bebê como reencarnação do deus hindu Hanuman, Khalida começou a aceitar o filho.

O menino tem recebido visitas de vizinhos e de pessoas originárias de locais mais distantes.



Fonte: pagenotfound 
Foto: Reprodução/Twitter

O jovem Antônio Romero, um toureiro da Cidade do México, sofreu grave acidente durante um de seus espetáculos no último domingo (19). Antônio foi bruscamente chifrado no ânus pelo touro conhecido como Caporal.

Levado rapidamente ao hospital regional e mais tarde transferido, Antônio precisou passar por um colostomia (cirurgia no intestino) e fazer a reconstituição de seu ânus.

"A chifrada dói, mas dói ainda mais não ter vencido. Estou contente porque me esforcei ao máximo. Já quero voltar a tourear", disse Romero no hospital.

Segundo o blog sobre touradas Toros e Faenas, o chifre do animal penetrou 20cm do corpo de Antônio, que precisará de cuidados na longa recuperação que terá pela frente, apesar de não correr mais risco de morrer.



(Foto: Reprodução/Twitter)
(Foto: Reprodução/Twitter)

 Fonte: RedeTV!
(Foto: Assessoria)
Os trabalhos para que o consórcio intermunicipal de Saúde assuma o gerenciamento do Hospital Regional de Colíder continuam. O prefeito Noboru Tomiyoshi, presidente do Consórcio, destacou que mesmo após a saída do secretário de Saúde  do Estado, João Batista, há alguns dias, o processo de transição prossegue.
“Tivemos um árduo trabalho de levantamento do hospital regional, até o presente momento. Estive em Cuiabá na semana passada, junto com o ex-secretário João Batista e secretários adjuntos, para tratar sobre esse assunto, saber qual seria o destino do hospital, uma vez que o secretário estava deixando a pasta. Isso nos preocupou muito. A informação que tivemos é que o trabalho feito até agora não será perdido. O que foi dialogado não é uma proposta do secretário, mas sim do governo do Estado. Estive com os deputados, com o vice-governador Carlos Fávaro e também com alguns prefeitos, para podermos ter esse comprometimento de que não vamos perder todo o trabalho de transição do hospital regional”, disse o prefeito.
Noboru ressaltou que até o momento, o consórcio não tem poder nenhum sob a administração do hospital. “Precisamos dessa legalização. Então apresentamos para o vice-governador a minuta do protocolo de intenção do consórcio de saúde, com a proposta de que queremos assumir o hospital. Esse protocolo vai para análise do governador para que assim legalize a nossa entrada no hospital”, informou Noboru.
Ele ressaltou mais uma vez que o governo se comprometeu a quitar todas as dívidas existentes do hospital, bem como fazer uma reforma de infraestrutura e uma aquisição de equipamentos necessários. “Daí então o Consórcio passa a participar do gerenciamento junto com o Governo do Estado e depois, quando as coisas estiverem fluindo, assume em definitivo”, pontuou Noboru.
Alguns casos de média e alta complexidade passarão apenas pela regulação no Hospital Regional de Colíder. “Vamos absorver aqui a baixa complexidade e depois vamos partir para a contratação de novas especialidades. Precisamos fazer o hospital regional funcionar inicialmente, com os serviços básicos, incluindo os partos”, detalhou.
Sobre a questão da pediatria no hospital regional de Colíder, Noboru ressaltou que está trabalhando para que seja reestabelecido o mais breve possível.
Fonte: Assessoria
Nortão online 
Trabalhador morre soterrado por grãos de soja em armazém de cidade de MTUm trabalhador identificado como Alonso Tavares, de 34 anos, morreu no final da tarde de 22 de março, após ser soterrado por grãos de soja em um armazém  instalado na cidade de Paranatinga, distante a 368 km de Cuiabá.

O acidente foi registrado pela em uma fazenda instalada a cerca de 120 km da sede da cidade quando o trabalhador, que era conhecido como 'Cowboy', limpava o ambiente.
Imagens registradas por colegas da vítima mostram o momento exato em que ele é retirado do silo e socorrido. Desesperados com a situação, eles efetuam técnicas de ventilação, como massagem cardíaca e ventilação boca a boca, mas sem sucesso.


Peritos criminais estiveram no local e a Polícia Civil deverá instaurar inquérito para que o caso seja apurado.

Olhar direto  Patrícia Neves

hOMICÍDIO POCONÉ
Poconet

Um trabalhador rural foi encontrado morto com um pedaço de madeira cravado no crânio, na madrugada desta quinta-feira (23), na cidade de Paranatinga (distante 375km de Cuiabá). Ainda não há informações sobre o suspeito do crime e o motivo que levou alguém a cometer tamanha crueldade.
Conforme informações, a vítima é Reginaldo Dias Ferreira, e prestava serviços em uma propriedade rural da cidade. Segundo o site Agora MT, o rapaz era usuário de entorpecentes e seu corpo foi localizado por moradores da fazenda.

Ele estava caído, com a cabeça machucada e o cabo de uma enxada cravada próximo ao olho.

Não foi informado sobre a motivação que levou á morte do rapaz. A Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) foi acionada e realizou os devidos procedimentos no local para a liberação do corpo que foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Primavera do Leste.

O crime será investigado pela Polícia Civil de Paranatinga.



emanuel pinheiroO prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB) procurou na quarta-feira (22), o idoso picolezeiro que foi xingado de “vagabundo” durante uma abordagem de um fiscal da Prefeitura de Cuiabá na terça-feira (22) na Praça Ipiranga. Emanuel decidiu ir até a vítima Pedro Anunciato Filho, 63 anos, para pedir desculpas em nome do município depois de tomar conhecimento do caso pela Secretaria de Ordem Pública.
Pedro vive sozinho, em uma casa simples, próxima à Igreja de São Benedito. Abandonado pela esposa e filhos, sem aposentadoria, passou a sobreviver com renda que tira da venda de picolés.

No encontro, o prefeito fez questão de afirmar que preza pela união e respeito dos cuiabanos para uma cidade melhor. Além disso, justificou que sabe que além do prejuízo moral ele também teve prejuízos financeiros, já que depois da discussão ele foi para casa e ficou sem trabalhar.

 “O senhor é um trabalhador, é um homem de bem. Desculpa. Ele (fiscal) errou, e eu em nome do município, como prefeito de Cuiabá, venho pedir desculpas para o senhor”, disse o prefeito ao ambulante que ainda chorou emocionado com a situação”, falou.

Em sua página no Facebook, Emanuel comentou que compreende o estresse que a maioria das pessoas estão submetidas no dia a dia. Porém, não pode permitir que o fato deixe os moradores menos humanizados; gentis e solidárias com as pessoas com as quais convivemos.

“Não quero entrar no mérito da discussão e nem prejulgar ninguém, mas entendo que o prefeito deve atuar no sentido de promover o consenso e trabalhar para somar esforços para construir uma cidade melhor e mais acolhedora para todos que nela vivem. Existem os conflitos internos na sociedade. É natural que seja assim. Mas temos que administrar essas contradições de modo respeitoso e humanizado”, diz trecho da publicação.

Na avaliação do prefeito, se a sociedade parar para analisar o convívio em sociedade, todos irão perceber que possuem mais semelhanças do que diferenças.

“Temos mais pontos a nos unir do que a nos dissociar. A visita ao ‘seo’ Pedro e o pedido de desculpas foi um pequeno gesto, mas carregado de simbolismo do papel que entendo ser reservado ao prefeito de uma cidade. Alguém capaz de conciliar os conflitos e de garantir um convívio mais harmonioso entre as pessoas”, comentou.

Ainda no vídeo gravado e divulgado na página do prefeito, o gestor tranquilizou o ambulante porque afirmou ter medo de voltar para as ruas de Cuiabá, já que inclusive foi ameaçado de morte caso registrasse um boletim de ocorrência.

“A cidade é nossa, não tem porque ter medo. Os servidores estão aí para lhe apoiar. São trabalhadores como o senhor e estão aí para defender o pão de cada dia”, garantiu.

A atitude do prefeito foi parabenizada pelas testemunhas que presenciaram o caso. Outro vendedor de picolé que acompanhou o ato, identificado apenas como Sérgio elogiou o prefeito. Para Emanuel, ele disse que está há 34 anos na cidade e nunca viu uma atitude como esta por mais que pareça simples, no entanto, transmite um ar de respeito entre as pessoas.

“É a primeira vez que vejo um prefeito conversar com um vendedor de picolé. Parabéns pela atitude. Na eleição voltei no Wilson Santos (PSDB), mas na próxima garanto que votarei em você. Porque são pessoas assim que a gente precisa para nos representar”, finalizou.

O caso
Na manhã de terça-feira (21), Pedro estava com o carrinho ambulante na Praça Ipiranga, quando foi cercado pelo fiscal, com apoio da Polícia Militar.

No vídeo mostra o idoso rebatendo o xingamento: "Não sou vagabundo, não sou vagabundo". Não contente em xingar o trabalhador, o fiscal ainda teria ameaçado o idoso de morte, se registrasse boletim de ocorrência.


Procurada pela reportagem, a assessoria do município afirmou que um processo administrativo já foi aberto para ver as medidas cabíveis no caso. O servidor é efetivo, porém, a Prefeitura garantiu que mesmo assim, se couber afastamento a medida será atendida conforme prevê a legislação.

Hiper Noticias 

 RAYANE ALVES

Foto: Divulgação - PM
Os Policiais informaram que consta no mandado de prisão contra Leandro o crime de estelionato.
O homem de 27 anos, foi preso na tarde desta quarta-feira (22), na Avenida Brasil centro de Peixoto de Azevedo.

Segundo informações, o homem identificado como Leandro Felix de Freitas, estava com mandado de prisão em aberto, e acabou sendo preso nesta quinta-feira pela Polícia Militar.

Os Policiais informaram que consta no mandado de prisão contra Leandro o crime de estelionato. No momento da prisão Leandro não esboçou qualquer reação adversa contra a força policial, após sua prisão o suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde deverá passar por exame de corpo de delito e posteriormente será conduzido a Cadeia Publica.


Fonte: Resumo Diário
Pasagem de comanda 9 batalhao
PMMT
Na manhã desta quarta-feira (22.03), o tenente-coronel Marco Antônio Guimarães, 37, assumiu o comando do 9º Batalhão de Polícia Militar. Unidade vinculada administrativo e operacionalmente ao 1º Comando Regional, esse batalhão está sediado no bairro Tijucal, em Cuiabá, e tem sob sua responsabilidade o policiamento de dezenas de bairros da região do Coxipó.
Guimarães substituiu a tenente-coronel Grazielle Paes da Silva Bugalho, que por sua vez passa a responder como comandante-adjunta do 1ºCR.

Além de cursos específicos da formação policial, como CFO(de oficiais), Superior em Segurança Pública, Polícia Comunitária e de Preservação de Local de Crime, o novo comandante do 9º BPM é graduado em Direito e pós-graduação em Docência do Ensino Superior.

Durante a solenidade, o comandante do 1º CR, coronel Edgar Maurício Monteiro Domingues, destacou a inteligência, empenho, dedicação e organização de Grazielle Bugalho nas ações preventivas e de combate à criminalidade enquanto esteve no comando desse Batalhão. “É uma oficial exemplar, referência no trabalho”, pontuou.

O subchefe de Estado Maior do Comando-geral da PMMT, coronel Heverton Mourett, reafirmou as qualidades descritas pelo comandante do 1º CR e acrescentou o sistema de análise contínua de cenário criminal, uma ferramenta subsidiária do planejamento e execução das ações de policiamento, implantada pela ex-comandante.

O tenente-coronel Guimarães, que estava no comando do 10º Batalhão, também foi bastante elogiado pelos coronéis pelo empenho e dedicação. O subchefe de Estado Maior, coronel Mourett, disse que Guimarães agora tem o desafio de construir sua própria história, propondo novas soluções para incorporar àquelas que já estavam sendo praticadas.


A troca de comando aconteceu em auditório do Hotel Fazenda Mato Grosso(Homat) e foi prestigiada por autoridades civis e militares, entre as quais o coronel Rhaygino Setúbal, coordenador Militar no Tribunal de Justiça; o coronel Alexandre Mendes, corregedor-geral da PMMT; a coronel Ridalva Reis de Souza, e o delegado e professor Bibiano Sobrinho, entre outros.
Hiper Noticias
Já não é de hoje que venho cumprindo meu papel de fiscalizador do governo. Sim, sou deputado estadual e também tenho esta função. Ando pelos quatro cantos de Mato Grosso verificando como o Estado tem aplicado seus recursos. E pasmem, a coisa anda feia em todos os setores.

Na educação, por exemplo, diversas escolas estão sofrem com a falta de infraestrutura. Paredes rachadas, pintura velha, problemas elétricos e hidráulicos, vazamentos e infiltrações... Enfim, falta de gestão. Muitas obras que iniciadas ainda no governo anterior foram abandonadas. Em novembro passado, estive com o secretário de educação Marco Marrafon que prometeu colocar as mãos na massa. Mas...

Na ocasião, falei dos problemas na Escola Estadual Tancredo Neves, em Carlinda onde a reforma licitada em 2014 parou no ano seguinte por atraso nos pagamentos à empresa executora. Falei também, da Escola Estadual Carlos Pereira, em Santa Terezinha, onde obras autorizadas pelo Estado não saíram do papel.

Na zona rural, a situação é ainda mais difícil. Muitos alunos continuam em escolas provisórias. Em Cláudia, por exemplo, cerca de 1.200 crianças dos assentamentos da reforma agrária são orientadas em três barracões. Além disso, os servidores não são efetivos.

Se na educação as coisas vão mal, o que dizer das rodovias estaduais? A MT-413, que faz a ligação da BR-158 com o município de Santa Terezinha, ainda possui 25 quilômetros de buracos.  A MT-388, principal via de escoamento da produção agrícola do município de Campos de Júlio está intrafegável causando prejuízos aos produtores agrícolas. Chegar à Nova Bandeirantes pela MT-417 é uma aventura: 16 quilômetros da rodovia que ligam a MT-208 à cidade são a cara do abandono. Estou fazendo apenas alguns apontamentos que ajudam a entender porque a 80,1% da população rejeita o governo Taques quando o assunto é infraestrutura.

Agora, pior que tudo isso é saber que a saúde em Mato Grosso está na UTI. Nos últimos dois anos, quatro secretários foram nomeados e ainda convivemos com atrasos nos repasses para hospitais regionais e conveniados, irregularidade no pagamento de salários dos médicos dos terceirizados, falta de vagas nas unidades de saúde e mortes neonatais. Sim, só em Sorriso, 11 bebês morreram antes de chegarem aos seus lares. Tudo isso por completa incompetência administrativa do governador Pedro Taques que insiste num modelo de gestão centralizador sem cumprir acordos e contratos.

Pra se ter uma ideia do caos, o Hospital São Benedito está há sete meses sem receber repasses do governo. A dívida chega a R$ 14 milhões. Estou falando do hospital que sempre foi usado pelo governo para o cumprimento de liminares em favor de pacientes críticos. Em Colíder, o último contracheque dos médicos que atuam no Hospital Regional é referente a janeiro de 2017. O Hospital de Câncer, um Cuiabá, continua dependendo de doações para se manter atuante, já que os repasses estaduais que servem para a aquisição de equipamentos não chegam. Talvez seja por tudo isso que 75,8% da população matogrossense reprova a administração Taques no quesito saúde.

Não estou fazendo oposição por oposição, mas revelando números apresentados pelo Mark Instituto de Pesquisa e Opinião Pública divulgados na última terça-feira (21).  A pesquisa mostra que se as eleições fossem hoje 19,8% da população “não votaria de jeito nenhum” no governador Pedro Taques numa campanha à reeleição.


Que bom que não sou o único a perceber o quão desastroso tem sido este governo para o estado de Mato Grosso. Diante deste cenário, precisamos refletir e avaliar que tipo de governo queremos para o próximo pleito. Afinal de contas, já são dois anos de caos.

Por Valdir Barranco

*Valdir Barranco é deputado estadual por Mato Grosso
O Residencial Ernandy Maurício Baracat de Arruda, "Nico Baracat", foi lançado em junho de 2013 com previsão da construção de 1440 apartamentos, totalizando investimento de cerca de R$ 17 milhões de reais, já deveria estar à disposição da população. Diante de vários questionamentos da sociedade, o vereador Adenilson Rocha (PSDB) esteve visitando as obras.
 
A entrega estava prevista para dezembro de 2015, porém até hoje nenhuma família recebeu um apartamento. “No local pudemos ver parte da obra faltando somente acabamentos para ser entregue. Vamos buscar mais informações sobre o assunto e cobrar os responsáveis para que possamos contemplar as famílias que tanto precisam em nosso município, que hoje tem a maior parte da sua renda no aluguel”, disse Adenilson.

Um ponto que preocupa o vereador, é que uma parte da obra foi abandonada por uma empreiteira e o serviço feito poderá se perder. “Uma grande parte está com obras paradas devido a uma empresa que desistiu, parte das estruturas já está comprometida devido ao tempo, provavelmente a nova empresa que pegar a obra terá que iniciar do zero. É lamentável ver uma situação como esta, onde o dinheiro público é jogado pelo ralo”, enfatizou Rocha.

Cada apartamento tem uma área de 46,55 metros quadrados, dividido em dois quartos, banheiros, cozinha, sala e área de serviço, além de uma vaga de garagem. Extremamente compacto, mas que promete ser funcional. O valor do imóvel ficará em torno de R$ 61 mil, com parcelas que variam entre R$ 25 e R$ 80,00.


O residencial é dividido em cinco etapas, e está localizado as margens da rodovia MT 140 a cerda de 3 mil metros da Br 163 sentido Santa Carmem. A uma nova expectativa de entrega para este ano das etapas 2, 4 e 6, totalizando 864 apartamentos.




Fogo começou no almoxarifado da empresa
Incêndio destrói marcenaria e residência de proprietário na cidade de Lambari d’Oeste (339 km a oeste), na madrugada desta quarta-feira (22). Fogo começou por volta das 22h, e foi percebido pela filha do proprietário, uma adolescente de 13 anos, que sentiu cheiro de fumaça. Segundo o sargento da Polícia Militar Rodinei de Almeida, comandante do Núcleo PM da cidade, o proprietário da Marcenaria Calassara, Wender Toro Machado, 43, inicialmente conseguiu controlar o fogo no almoxarifado da empresa, usando um extintor.

Quando aparentemente a situação estava sob controle ele saiu em busca de um caminhão pipa e em poucos minutos as chamas retomaram e se alastraram pelo barracão onde são confeccionados os móveis.
O incêndio só foi totalmente controlado por volta das 3h da manhã. Ninguém ficou ferido mas a família perdeu a casa e teve o barracão destruído com grande parte de matéria prima e móveis prontos para entrega. Uma empresa local, que atua no beneficiamento de álcool, enviou caminhões pipas para o combate ao fogo, pois na cidade não existe unidade do Corpo de Bombeiros. Com a ajuda de voluntários conseguiram evitar que o fogo não atingisse depósito com estoque de madeira, principalmente do tipo teca, que estava em um terreno anexo a empresa.
O incêndio mobilizou praticamente parte da comunidade da cidade que tem pouco mais de 5,8 mil habitantes, informa o sargento. A família, composta pelo proprietário, a esposa e os filhos de 11 e 13 anos, conseguiram salvar apenas a geladeira, um fogão, botijão de gás e uma máquina de lavar roupas. A empresa empregava mais de 10 pessoas.


A suspeita é que o incêndio resultou de um curto circuito na parte elétrica no almoxarifado. Na tarde de hoje uma equipe da Perícia Técnica de Cáceres estava atuando no local, para confecção de laudo pericial.
Empresa mantinha mais de 10 funcionários
Moradores observam o que restou da empresa após fogo

LAMBARI D'OESTE

Silvana Ribas, repórter do GD
Acidente aconteceu em Montes
 Claros, na região norte de Minas Gerais 
Uma mulher, de 45 anos, morreu eletrocutada, após encostar nos fios desencapado da máquina de lavar, nesta terça-feira (21), em Montes Claros, no norte de Minas Gerais. O serviço de resgate foi acionado, mas a vítima não resistiu aos ferimentos.

De acordo com o Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) Eli Cristina sampaio estava lavando roupas quando tudo aconteceu. Parentes contaram aos socorristas que a área de serviço onde a mulher foi encontrada, estava molhada. A vítima teria enconstado em alguns fios desencapados da máquina, levando o choque elétrico.
A equipe de socorro foi acionada e quando o Samu chegou na casa, Eli estava estava desacordada com uma parada cardiorespiratória. Manobras de ressucitamento foram feitas para reanimá-la, mas ela não respondeu aos estímulos. 
R7 Noticias 
(Foto: Ilustrativa)
Dois homens tentaram assaltar um sítio na área rural de Colíder, ontem, por  volta das 09h. Um  casal, de 50  e 42 anos, respectivamente,  informou à polícia que escutaram os cachorros latirem e ao sair na área para verificar, viram os suspeitos no meio do canavial.

As vítimas entraram dentro da casa e trancaram as portas. Os  suspeitos ainda ficaram rondando a residência e tentaram arrombar, mas sem sucesso. Por fim, fugiram levando apenas duas facas que estavam na varanda.

As câmeras de segurança da casa gravaram a ação dos malandros, que poderão ser identificados e presos a qualquer momento.

O sítio fica no Monte Carmelo.


Fonte: Nortão OnlinePor: Redaçâo
Foto: Rede social Leandro de Souza Araújo
Leandro de Souza Araújo, de 20 anos, foi morto a tiros na própria residência, na noite dessa terça-feira (21), no Bairro Primavera III, em Primavera do Leste (MT). O suspeito de cometer o crime é o primo da vítima.

De acordo com a Polícia Militar, uma testemunha disse que, por volta das 19h40, o criminoso pulou o muro da casa e atirou no jovem, que estava em companhia da esposa. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado, porém, ele não resistiu aos ferimentos e morreu. Já o acusado fugiu logo após o crime.

Um parente de Leandro afirmou que o atirador é primo dele e a motivação seria uma briga familiar. Eles começaram a discutir por telefone e teria ameaçou o outro de morte.


A Polícia Civil e a Perícia Oficial e Identificação Técnica realizaram os primeiros levantamentos para tentar esclarecer o caso.

 Primeira Hora

Designer de unhas de fibra de vidro

Designer  de unhas de fibra de vidro
Terra Nova do Norte MT

Serralheria M.Maciel

Serralheria M.Maciel
Terra Nova do Norte

Dominik fotografia

Dominik fotografia
Vá Além de Uma Simples Foto, Realize Seu Sonho... Aqui você encontra a oportunidade.

TRIBOS BARTENDER

TRIBOS  BARTENDER
Leve um diferencial para sua festa de casamento, aniversário, formatura, debutante, eventos em geral surpreenda seus convidados com coquetéis e drinks diferenciados.

Cia Moda No centro da cidade Avenida dos migrantes, Nova Guarita MT.

Cia Moda No centro da cidade Avenida dos migrantes, Nova Guarita MT.
Cia Moda, onde seu dinheiro vale mais

Primeiro e maior portal de notícias de Nova Guarita - MT

Primeiro e maior portal de notícias de Nova Guarita - MT

NOVATORRE CONSTRUÇÕES. Nova Guarita MT

NOVATORRE CONSTRUÇÕES. Nova Guarita MT
Entre em contato conosco e faça o seu orçamento, nosso lema é alicerçar sonhos e construir realidade. Não deixe pra depois, ligue agora mesmo (66)9624-0718 ou 8425-0106, nós temos os melhores produtos e serviços que você precisa para a sua obra

Jaykison S. Oliveira

Jaykison S. Oliveira
Agora você pode contar Jaykison S. Oliveira Contabilidade & informática: Travessa dos Parecis, 85, Setor Norte, Centro, Colider/MT Tel.: (66) 3541-468. Cel..: (66) 9614-9776 “Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.”Chico Xavier

SILKA ATESANATO DE CONCRETO

SILKA ATESANATO DE CONCRETO
Venha conhecer a fabrica SILKA ARTESANATE DE CONCRETO na rua das orquídeas em Nova Guarita MT FONE: 66 8433-8278- 9691-9728 .

CONTAL CONTABILIDADE

CONTAL CONTABILIDADE
Escrita Contábil, Fiscal e Trabalhista de empresas. Escrita Fiscal para Produtor Rural. Contratos e Declarações Fiscais. Contabilidade em Geral. Fone (66) 3574 1204/ 8412 3230

Padaria Doce Mel Nova Guarita

Padaria Doce Mel Nova Guarita
Na Avenida dos Migrantes centro

Bom negocio vende-se uma Moto Kasinski

Bom negocio vende-se uma Moto  Kasinski
Vende-se uma Moto Kasinski 250 CL GPR Original 13000 mil km. Ano 2011 modelo 2011 ligar para falar com Paulo Dill de morais na oficina JP Avenida dos migrante em frente a paróquia santo Antonio Nova Guarita MT Fone 66 84292984 / 66 96643103/6684358757

Faz Facil

Faz Facil
Avenida dos Migrantes centro Nova Guarita MT
Loja Noves Campos
Loja Noves Campos
Construtora Santo
Construtora Santo
Century
Century
Mecânica
Mecânica
Copyright © NG - Notícias de Nova Guarita
Nova Guarita - Mato Grosso - Brasil

Qualquer material nao pode ser publicado, transmitido, reescrito ou distribuido sem autorização

Tenha um site!